Club Pathfinders Guarda Real
Associação Paulista Do Vale

Data shown here is the responsibility of Club director Guarda Real
Guarda Real

Guarda Real

Pathfinders

  • Members 17
  • Leadership 14
  • Total 31

Club information

Foundation

18/01/1987 (32 YEARS)


Region

11º REGIÃO - DESB


Address

RUA JUTAI, N° 1001 - PQ ALVORADA
GUARULHOS - SÃO PAULO
07242225


Main meeting

SUNDAY
08:30:00


External link

Click here to access

Classification

Aos 18 dias de janeiro de 1987, um homem chamado Valter Ramos com sua secretária Eva iniciaram a história do atual clube Guarda Real. Nessa época não haviam decidido o nome do clube, então fizeram uma lista de sugestões que não foram aceitas pela ASR por já existirem clubes com esses nomes. Até que ao pensar nos jovens com sede de trabalhar para Cristo, o mais novo diretor Valter Ramos escolheu um nome, e o clube passou a se chamar “CLUBE DE DESBRAVADORES GUARDA REAL”. Neste mesmo ano algumas pessoas contribuíram para o crescimento do clube, como Silvalino Pereira, Fátima Santana, Elenito, Juscelino França e Francisco Roberto. Haviam 23 desbravadores nessa época, entre eles se encontravam: Anderson, Regiane, Marcos Luis, Sandra Ana, Sandra Aparecida, Robson, Shirley, Valdir da Silva, Maria de Fátima, Sergio Aparecido, Alessandra Cristina, Andréia Costa, Valdirene, Sirlene, Alexandre, Elizangela e Morgana, Ellen, Renato, Patrícia e Erica.

Em 1988, Francisco Roberto assumiu o cargo de diretor, trazendo novos desbravadores como: Ana Rita, Vera Lucia, Edinaldo, Marcos, Márcia, Luzia, Francisco e Geraldo. O diretor Francisco acompanhou o clube até o dia 12 de outubro de 1988, quando se afastou do clube e da igreja, deixando o Vice-diretor Edinaldo com a liderança até o final do ano.

Já no ano de 1989, Juscelino França assumiu o cargo de diretor com muita disposição em ajudar e resgatar todos que entraram em 1987. Foi então que tiveram a primeira reunião no dia 04 de fevereiro de 1989 as 16:00; neste dia ele teve a triste notícia de que o então vice-diretor Edinaldo a secretaria Ana Rita e a conselheira Vera Lucia entregariam seus cargos e uniformes. Porém, com muita determinação Juscelino não desistiu, e recebeu apoio do vice-diretor Francisco Paulino, da secretária e vice-diretora Márcia Araújo, da conselheira Sandra Ana e do instrutor Anderson. As Coisas eram bem diferentes naquela época.... Os desbravadores eram observados pela diretoria durante os cultos e passeios; caso não se comportassem, recebiam uma advertência para os pais assinarem, e não podiam ir as reuniões.

No ano de 1990, Juscelino continuava firme com o Clube, tendo como apoio na diretoria Daniele, Sandra Aparecida e Erica, Francisco Paulino, Morgana Viana e Francineide. Com muita luta chegaram ao final do ano, com 7.000,00 Cruzeiros no caixa do Clube.

Em 1991, Francisco Paulino de Moraes, entrou como diretor do Clube. As unidades ainda não usavam nomes, tinham apenas números romanos e eram mistas. Na unidade I tinham como componentes: Francisco, Evandro Medeiros, e Camila; na unidade II: Josemar, Anderson, Morgana, Euclides, Patrícia, Viviane, Erica, Luzia; na III: Sandra Aparecida, Henrique, Sergio Aparecido, Verônica Andrade, Neide Morais, Jocivania, Joane, Anelton. Na unidade IV Sandra Ana, Sandro, Sergio, Marcos Santana, Ana Lucia e Marta; na unidade V: Fabio, Robson, Sergio Silva, Erivelton, Sirlene, Amarildo, Márcia, Sergio. Todos juntos e misturados, fizeram parte da história do Guarda Real, que nesta época teve um crescimento fantástico, se equipando com barracas, material de cozinha e material de campo. Neste ano comemoraram o dia Mundial dos Desbravadores em 20 de abril, e nos dias 11,12 e 13 de Outubro participaram do CAMPORI em Suzano com o tema “Um Sonho do Passado”...A realidade do Presente” levando 22 desbravadores e batizando o desbravador Hildebrando Paulino de Moraes e Luiz Paulino de Moraes. Francisco Paulino de Moraes continuou na direção em 1992 juntamente com sua equipe e buscando sempre estruturar e erguer cada dia mais esse departamento.

Em 1993 o clube renovou o seu modo de acampar, tendo o primeiro acampamento de unidades, onde cada unidade fez sua própria comida, desenvolvendo seus portais, seus móveis, escalas de tarefas e disposição de acampamentos. Juscelino França e Sandra Ana de Santana

Em 1994 a comissão da igreja votou novamente para que Juscelino Pereira França ficasse como diretor e seus diretores associados Sandro e Sandra Ana de Santana. Trabalharam juntos com muita garra e coragem levando o clube a participar do VII CAMPORI “ Na Trilha dos Pioneiros APL”. Trabalharam também para fazer acampamentos, sociais, classes bíblicas, e tudo que envolve o clube. Com novos desafios, o clube participou do CAMPORI em Bragança Paulista com o tema “Heróis da Fé” em Bragança Paulista, e do XVI CAMPORI da APL “Unidos em Cristo”, em Jacareí.

Novamente em 1996, Francisco Paulino assumiu a direção do clube, realizando muitas atividades para incentivar os jovens como classes bíblicas, arrecadação de alimentos, classes regulares e especialidades. Entre esses jovens estavam Evandro Medeiros, Ronaldo Andrade, Ademir Teixeira, Jose Fabio, Marcelo Martinez, Luiz Marcos, Maira Oliveira, Ellen Thiemy, Fabiana Keiko, Aline Viana, Edilson, Rosangela, Verônica Andrade, Lucila Queiroz, Luciane Queiroz, Andreia Valim, Rafael Valim, Rodrigo Gonçalves, Camila Fernandes e Diego Palácio. Com grandes lutas participaram do II Campori 2° Região, realizado na Base Aérea de Cumbica com o tema “Jovens de Valor”, levando a irmã Isa, cozinheira de muitos anos do clube.

Em 1997 e 1998, como não poderia ser diferente, o Guarda Real com um grande número de jovens, adquiriu barracas canadenses com cheirinho de novas, fez arrecadação de alimentos, visitas a asilos e orfanatos, classes e especialidades, ordem unida muito bem apresentada, e para participar do próximo CAMPORI, os desbravadores vendiam caixinhas de mel e biscoitos, arrecadando os fundos necessários.

Já em 1999, participamos do XI CAMPORI “Rumo ao Porto Seguro” APL, no Unasp. Entre os desbravadores estavam presentes: Rodrigo Gonçalves, Renata Queiroz, Lucila Queiroz, Luciane Queiroz, Maira Oliveira, Ronaldo Andrade, Juliany Almeida, Hugo Santana, Jaquelina, Janaina, Letícia, Agueda Letícia, Rosilene Queiroz, Carolina Santana, Kelly França, Camila Nascimento, Antonio Valim (ancião), Welligton Santana, Cristiane Venceslau, Rafael Valim, Andreia Valim e Juscelino França.

No ano de 2000 a comissão da igreja aprovou como diretor Ronaldo Andrade, mais uma vez com ajuda de Juscelino França. O clube fez um acampamento por unidades na área de Arujabel e iniciou a classes progressivas, mas não teve continuidade pois o diretor mudou-se para outra igreja pedindo a carta de transferência. O Guarda Real ficou sem diretoria e teve então, infelizmente, que cancelar as reuniões.

Em 2001 Marcos Santana assumiu a diretoria com a diretoria associada Márcia; Na época ficaram com aproximadamente 20 desbravadores: Alexandre, Ademir Teixeira, Rodrigo Gonçalves, Diego Palácio, Monalisa Helena, Julyane Almeida, Dangelo, Daniel Gaspar, Lucila Queiroz, Rosilene Queiroz, Vanessa, Mailson Luis, Edneia Moraes, Jaqueline, Anderson Avelino, Edilson Nascimento, Thiago, Jhonatan Felipe, Ana Carolina, Jhonatan Campos, Rodrigo Gonçalves e Kelly França. Fizeram várias atividades como visitas em asilos, arrecadação de alimentos, saída ao Pq Ecológico, admissão de lenços com novos membros não adventistas e, com muito esforço, participaram do XII Campori “Quase no Lar”.
Marcos Santana continuou na direção em 2002, com os diretores associados Edilson Nascimento e Márcia Aparecida. Neste ano o Clube realizou um passeio para Zoológico de São Paulo no dia 12 de maio, e participou do Campori realizado pela UCB, de 04 à 09 de Julho, com o tema “Heróis de Hoje”. Tiveram muita ajuda da igreja que doou dinheiro e permitiu que o Clube fizesse sociais para arrecadar fundos. Em 2003, ainda na direção, Marcos e sua equipe trabalharam mais um ano, e fizeram um acampamento nos dias 17, 18 e 19 de janeiro no Sitio do Pica-Pau. Em agosto participaram de um acampamento de unidades, o “ACANTUN”, e em setembro do Campori da APV daquele ano; foram ainda para o Bosque Maia cumprir requisitos com ancião convidado Manoel Fernandes.

Infelizmente, em 2004 Marcos teve que deixar o Clube Guarda Real, depois de tantas histórias, lutas e vitorias, tivemos que seguir sem o diretor que nos acompanhou por tanto tempo. Mas a história não parou por ai! Seguimos rumo ao ano de 2005 com novos projetos, sonhos e também nova liderança - diretor Rodrigo Gonçalves, diretores associados Cristiano de Jesus e Monalisa Helena, secretária Márcia e capelão Marcos. Eles tinham muitos planos para o clube como: banderins e mastros, camisetas das unidades, material de primeiros socorros, visitas de membros afastados, placas das unidades, secretaria completa, diários das unidades e Classes progressivas.Realizaram o dia Mundial no dia 23 de abril, e apresentaram o Pai Nosso em libras. Participaram de atividades como passeata contra fumo, evangelismo, arrecadação de alimentos e roupas, especialidades e pioneiras, apresentação de ordem unida e uma atividade no Bosque Maia com a M.P.V. Em abril deste ano, tivemos que trocar alguns cargos; entrou no lugar de diretor associado o cooperador Diego Gonçalves Costa, Denilson Pinheiro como capelão e como suporte para secretaria Mileide e Fabíola, e conseguiram participar do XIV Campori APL “Fiel a toda Prova”.

Em 2006 o Clube continua com a direção de Rodrigo Gonçalves e com o apoio de Diego Gonçalves, Jefferson Ribeiro, Pâmela e Verônica. Foi um ano de muitas atividades, planos e projetos realizados, como o acampamento de Instrutores e Conselheiros em maio, e com os desbravadores no Sitio do Davi em junho.

Já em 2007, com apenas 18 anos, Monalisa Helena assumiu a direção do clube Guarda Real. Contando com a ajuda de Juscelino França, a diretora venceu os obstáculos realizou, dentre suas atividades, um acampamento nos dias 09, 10 e 11 de julho e outro do dia 26 ao 28 de novembro, finalizando o ano com força e firmeza.

Em 2008 a comissão escolheu como diretora Verônica Santos; foi um ano de muitas realizações, com muitos desbravadores e uma diretoria grande. Após diversar lutas, participamos do Campori “VIVO POR JESUS”, realizado de 17 à 19 de Outubro.

Em 2009 Guilherme Molero assume como diretor, com ajuda de sua esposa Rosangela Molero, e com a equipe: Monalisa Helena, Elenice, Bruno, Joelma, Anderson, Jefferson, Ciro, Tatiane Almeida, Helen e Lucas e o instrutor Juliano Avelino. Realizaram muitas reuniões durante o ano, e todas com muitos propósitos, inclusive a “festa do doce” que aconteceu em março na escola Manoel Bandeira, o acampadentro na igreja local e o Campori com tema “Por toda terra” da MPV. Ainda na direção em 2010, entraram na equipe algumas pessoas: Kassia Fontes, Anderson Avelino, Jefferson Ribeiro, Everton, Letícia e as cozinheiras Shirley e Rubenita, sempre apoiando o Guarda Real.
No ano de 2011, o diretor escolhido foi o jovem Jefferson Ribeiro dos Santos, que com garra e determinação fez o clube continuar crescendo. Muitos jovens estavam envolvidos e neste ano o Dia Mundial foi realizado dia 29 de abril, com o pregador Davi da igreja do distrito do Uirapuru; participaram da Semana do Evangelismo, Acampamento, arrecadação de alimento, e vendas para conseguir fundos para participar do Campori “Maravilhoso Conselheiro” realizado pela Associação Paulista do Vale no Recinto de Exposições de Guaratinguetá, do dia 11 ao dia 14 de novembro. Aqueles que estiveram neste Campori sabem que é impossível não comentar sobre os imprevistos ocorridos, principalmente com relação a chuva que caiu insistentemente durante todo o acampamento, fazendo com que o acampamento fosse encerrado um dia antes do previsto. Não foi possível realizar uma investidura de líderes, uma santa ceia e encerrar todas as atividades. Isso é pouco se comparado aos alagamentos e ventos que ensoparam e inundaram barracas, cozinhas e derrubaram portais de unidades. Cada atividade estava ligada a um evento da vida de Jesus, nosso maravilhoso conselheiro. Porém, mesmo com a chuva, fizemos uma brilhante obra de evangelização nas cidades vizinhas de Aparecida e Cana entregando centenas de livros "A grande esperança".

Em 2012 a igreja estava à procura de um novo diretor, e então surgiu em nossa igreja a família Freitas- trazendo nosso mais novo diretor Renato Dantas de Freitas, que sem experiência nenhuma mas com muita força de vontade de aprender, realizou a primeira reunião com os pais dos desbravadores para falar sobre valor de inscrição, valor de mensalidade, horário das reuniões, e a meta de levar todos para o Campori do ano. Entre a equipe grande e jovens cheio de vigor estavam: Anderson Avelino, Bruna Aparecida, Caroline Almeida, Débora Pires, Diego Ribeiro, Diogo Ribeiro, Edmilson Bruno, Ester Hadassa, Everton Avelino, Gabriel Macedo, Gabrielle Martins, Gustavo Rubens, João Vitor, Karoline Souza Letícia Fontes, Letícia Souza, Marcos Ibarra, Monalisa Helena, Wesley Lima, Emily Dantas, Kimberly Amy, Lincol Yuri, Renata Lacerda, Veida Renata. Fizeram diversas atividades como acampamentos, classes progressivas, especialidades, e vencendo todos os obstáculos durante o ano, participaram do VI Campori da UCB “Grito da Vitoria”.
Em 2013 Renato, juntamente com sua família, decide ficar por mais um tempo na direção do clube, contando com a ajuda e a experiência do diretor associado Guilherme Molero. Com mais de 40 desbravadores, tiveram um ano de muita luta para ir para mais um Campori da APV com o tema “Nos Passos do Mestre”.

Em 2014 a família Freitas continua no Clube e passam o ano com muitas crianças e com uma diretoria muito boa. Continuando a direção em 2015, Renato Dantas e sua diretora associada Camila Leon fazem diversos projetos como arrecadação de alimento, entrega de livros e água no farol, curso para capitães, prova do livro e também o Campori da APV “Viagens De Paulo”- o desbravador Gabriel Felipi ganhou em 1° lugar na prova do livro ganhando uma bicicleta. O Clube concluiu todas as tarefas e etapas chegaram ao final do ano.

Já em 2016, Jefferson Ribeiro assume como diretor do Clube com os associados Ademir Teixeira e Monalisa Helena, Edneia Moraes como secretaria e Renato Dantas como tesoureiro do Clube. Com 45 membros ativos e muitos novos, encontravam-se: Amanda Costa, Ana Beatriz, Anderson Avelino, Andrei Adria, Bruna Aparecida, Cibele Campos, Cristina Bueno, Daniel Dantas, Débora Peres, Diogo Ribeiro, Diego Ribeiro, Eduarda Feitosa, Elton Faria, Ester Hadassa, Gabriel Felipe, Gabriel Macedo, Gabrielle Martins, Gabriely Bonjardim, Guilherme Aparecido, Gustavo Rubens,Henrique Santos, Juliana Evangelista, karoline Souza, Ketellen da Silva, Kimberly Amy, Leonardo Pereira, Lincoln Yuri, Marcelo Goncalves, Maria Anita, Maria Eduarda, Mayara Moraes, Nicolas Nobre, Pedro H.de Melo, Pedro H. Evangelista, Renato Dantas, Ronaldo Gabriel, Shirley de Negreiros e Veida Renata, Gracielle Ambrosio, Anderson Lucianos. O clube realizou muitas atividades como: Curso de Conselheiros e Lideres, Passeata para divulgação do Clube, Saída para o Parque Ecológico, Curso de Capitães, Projeto Tive Fome, Congresso de Adolescentes, Visita a asilos, Impacto Esperança, Jornada do Livro com 18 participantes, Pregador Mirim, Tri – Olimpíadas, Arrecadação de Alimentos, Quebrando o Silencio, Acampamento, Treinamento da Classe Agrupadas, Desfile Cívico, EROI, Oscar e a nossa Escada do Saber (perguntas sobre a bíblia) que deu muitos prêmios para as unidades como camisetas e banderins novos. Tivemos investidura de Classes- Amigo e Companheiro: Mayara Moraes e Gabriel Felipi, Excursionista: Kimberly Amy, Pioneiro: Ana Beatriz, Excursionsta: Ronaldo Gabriel e Agrupadas: Edneia Moraes. Graças ao nosso om Deus, batizamos o desbravador Gabriel Felipe e nossa nova integrante Olenka Maria, e ainda esse ano a desbravadora Gabrielle Martins ganhou em 1° Lugar da Prova do Livro, recebendo uma bicicleta. O clube fez algumas vendas para arrecadação de dinheiro como vendas de salgados, venda da feijoada, preparando-se para o ano de 2017.

Em 2017 a direção continua a mesma, realizando muitas atividades como: Convenção Jovem 2017, com 14 participantes, venda de feijoada, classe bíblica dinâmica, arrecadação de alimentos (280Kg em duas horas), curso de conselheiros, visita a Casa de Repouso São Vicente de Paulo, programa de dia das mães, Impacto Esperança, o “Dia do Reencontro- onde foram convidados todos membros afastados, especialidade de Embalagens e de Pipas, congresso dos adolescentes, pregador mirim, e o tão sonhado Campori da UCB “Um Chamado de Coragem”. Neste ano tivemos a honra de conquistar o padrão EXCELÊNCIA, garantindo nossa vaga no Campori Sul-Americano de 2019.

Porém, em 2018, enfrentamos um problema: não havia um diretor para assumir o clube; então depois de muita oração, foi decidido que o desbravador Leonardo Pereira da Silva assumiria a liderança com os diretores associados Diego Ribeiro e Vitória da Silva, e a secretária Ester Hadassa. Começando as atividades tardiamente, enfrentando diversos problemas e batalhando para poder ir para o Campori da DSA, essa nova e inexperiente, mas dedicada direção segue o ano em questão. Infelizmente, por questões financeiras, decidimos com a diretoria não ir para o campori de 2019, e sim estruturar o clube. Já visitamos um asilo, fizemos entregas de livros, venda de marmitas para arrecadar fundos, visitamos a pedra grande e investimos novos membros! Algumas pessoas da diretoria acabaram se afastando, ficando, como verdadeiros guerreiros: Cristina bueno, Débora Peres, Ester Hadassa, Ketellen da Silva, Leonardo Pereira, Lincoln Yuri e mais alguns outros durante as reuniões.
Esse ano de 2018 o Clube comemora 31 anos cadastrado.