Clube de Desbravadores Régulis
Associação Rio Sul

Os dados apresentados aqui são de responsabilidade da diretoria do clube Régulis
Régulis

Régulis

Desbravadores

  • Membros 17
  • Diretoria 18
  • Total 35

Dados do clube

Fundação

17/12/1997 (26 ANOS)


Região

3ª REGIÃO B DBV


Endereço

RUA ANTÔNIO BORGES, 50 - SANTO ELIAS
MESQUITA - RIO DE JANEIRO
26562050


Reunião principal

DOMINGO
09:00:00


Mensagem para Régulis






Classificação 2023

Este Clube foi 05 Estrelas em: 2017, 2019, 2020, 2022, 2023

A história do Clube Régulis começou no coração de José Tadeu e Erivelton, em 1997, que após verem o clube de Engenho Pequeno, hoje chamado de leões do vale, resolveram fundar um aqui na IASD de Santo Elias. A primeira reunião administrativa foi realizada na residência de Regina Sodré, na Rua Dom Manoel – vila nova, NI. E contou com a presença de Erivelton Sodré, Regina Sodré e José Tadeu. A primeira Reunião do clube oficialmente, aconteceu em um galpão na rua Machado de Assis e puderam contar com muitas Crianças que futuramente se tonariam Desbravadores. Após batalharem muito, em 2002 o clube participou do Campori da UEB Derrubando muralhas (ES), em 2006 participou do Campori Descobrindo nosso Lar e em 2008 campori UEB marcha da Vitória (RJ).
Após uma pausa para o descanso, em 2015, o clube reabriu ainda sob a liderança do diretor Tadeu, e fomos a competições, recebemos prêmios e fomos classificados como clube ouro e diamante no ranking ARS. Nesse tempo, alguns diretores assumiram o clube como: Michael Bezerra, David Berlim, Priscila Rosa. Em 2017 o clube participou do Campori Regional - Nisto Cremos, e dele temos muitos momentos memoráveis. Em 2019 o tão sonhado Campori DSA - A melhor aventura, onde participaram 50mil desbravadores. Foi uma experiência maravilhosa. Participamos de competições, de cultos maravilhosos, conhecemos pessoas novas, gritamos muito: Tititi, lelele, viva chile; dormimos durante o culto em espanhol/inglês, tentamos nos comunicar com bolivianos (já adianto que foi um mico só), tiramos fotos num barco (o que pensando bem, não fez nenhum sentido), comemos bastante milho nas refeições, quase torramos de calor e além disso tudo, fizemos uma serenata, para uma menina que não conhecíamos e estava somente trabalhando na paz dela. Enfim, fomos felizes.
Chegou 2020 e tudo mudou, a pandemia veio e perdemos o que é fundamental para os Desbravadores: o contato físico. Começamos a fazer algumas atividades on-line, como especialidades e alguns itens de classes. Em dezembro de 2020, houve mudança na direção no clube e Suellen de Souza se tornou oficialmente diretora. Seguimos para 2021 na esperança de um ano diferente, mas infelizmente tivemos que fechar o clube novamente por quase 3 meses. Com a inconstância de reuniões, tínhamos cada vez menos desbravadores. Chegamos a fazer reuniões apenas com 3 Desbravadores, mas não desistimos. Em abril fizemos um evento público onde conseguimos algumas crianças, mas ainda era pouco. Até que em maio, Deus enviou a solução que precisávamos: o Pastor Wilton. Ele teve a ideia de uma mega divulgação, convidamos então a fanfarra do clube Remanescentes. No dia 25/04/2021 foi realizado esse evento e no dia seguinte realizamos atividades no campo, foi uma grande benção, muitas crianças chegaram.
Entre 2021 e 2022, o clube levou 10 crianças ao batismo, que hoje são capitães e secretários de unidade, admitiu 14 desbravadores em lenço, condecorou 16 membros em classes regulares e avançadas e investiu 4 (ótimos) líderes, sendo três em dezembro de 2021 e um no V Campori ARS em 2022. Em 2022, foi o ano de colher vitorias. Participamos do V campori ARS - Rumo ao Céu, fomos imensamente felizes e claro, bem cansados, mas felizes; fomos 1° lugar no ranking da ARS e clube 5 estrelas.
Olhando toda história, temos muito a agradecer, primeiramente a Deus por nos guiar, dar força e nos conceder vitória. O Clube de Desbravadores representa uma mudança de vida para todos nós. Alguns, deixaram as frescuras de lado, aprenderam que é MUITO difícil empurrar uma kombi num morro cheio de lama, que uma sopa de taioba com chuchu pode ser a coisa mais saborosa do mundo quando é sua única opção. Descobriram que amam a natureza e que são capazes de fazer muitas coisas como: fogueiras, abrigos, cozinhar no bambu, rastejar na lama, subir num morro só pra descer rolando. Aprendemos que 'subir montanhas e descer sem tirolesa' é uma coisa comum para os nossos Desbravadores, (né Chico?). Aqui, fizemos amigos que se tornaram irmãos, membros de diretoria que se tornaram família, e desbravadores que se tornaram filhos. Nossa história mudou quando nos entregamos inteiramente a esse ministério tão desafiador. Realmente, ser desbravador é um estilo de vida. E é o estilo de vida que nós escolhemos para viver.

Testemunho José Tadeu (antigo diretor): clube Régulis estava recém inaugurado, então marcamos para ir acampar em Santo Antônio, lugar onde outros clubes costumavam frequentar. Para ir tinha apenas um ônibus que passava uma vez ao dia, às 15h. Realizamos o acampamento e nos preparam para ir embora apressados para não perder o ônibus; mas mesmo correndo muito, houve um problema e o perdemos. Resolvemos então ficar embaixo de uma barraca, próximo ao ponto na fé de que passaria alguém para nos ajudar, porém lá era um lugar escasso de condução e poucas pessoas passavam por ali. Estava anoitecendo então decidimos que iriamos ficar naquele local e esperar o outro ônibus que seria apenas no dia seguinte. Começamos a nos aprontar para dormir... quando por volta das 21h passou como um milagre, um caminhão branco grande, o motorista perguntou o que eles estavam fazendo ali e ofereceu carona até Miguel couto. E assim, voltamos para casa. Entendo que Deus cuidou do nosso clube e enviou providencia para que o problema fosse resolvido, e acredito que esse mesmo Deus sustenta o clube Régulis até hoje.
Sábado às 15h e Domingo às 9h na IASD de Santo Elias. Venha nos visitar!!