Club de Conquistadores CORDILHEIRAS
Associação Rio Sul

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del Club CORDILHEIRAS
CORDILHEIRAS

CORDILHEIRAS

Conquistadores

  • Miembros 19
  • Directiva 15
  • Total 34

Datos del Club

Fundación

24/11/1973 (47 AÑOS)


Región

5ª REGIÃO C DBV


Dirección

RUA TORIBA, 291 - COLÉGIO
RIO DE JANEIRO - RIO DE JANEIRO
21545260


Reunión principal

SABADO
15:30:00


Link externo

Clic aquí para accesar

Clasificación 2021

Este Club fue 05 Estrellas en: 2019

Histórico

O Clube Cordilheiras foi fundado em 1973 tendo como diretores Mauro Pimenta e Guaraci com o objetivo de dar aos juvenis da igreja de Colégio a oportunidade de se desenvolverem em diferentes áreas com atividades que os atraíssem para mais perto de Deus.
Com essa iniciativa tão promissora, até mesmo crianças de fora da igreja sentiram o de desejo de participar do clube.
Durante sua existência, o clube sempre priorizou mostrar para os membros a importância da comunhão com Deus, mas também de serviço ao próximo. Sem deixar de lado as atividades que desenvolvem o intelecto e o físico, como acampamentos e torneios interclubes.
Muitos participaram dessa história deixando seu legado para as futuras gerações. E todos foram fundamentais para a continuidade do clube e sua permanência ao longo desses 45 anos.

Década de 70
Desde a sua fundação com Mauro Pimenta e Guaraci, passando por Arão Almeida, que conseguiu agregar muitos juvenis que ainda não faziam do clube.

Década de 80.
O irmão Arão Almeida formou líderes para a igreja, dentre eles, Daniel Chacon, Davi Chacon e Sérgio Ramos, que se tornaram diretores do clube nessa década.

Década de 90
Ainda fruto do trabalho do irmão Arão, o primeiro diretor dessa década foi Alexandre Simões, que começou a trabalhar com a nova geração, sempre colocando o clube para atuar ativamente nas programações da igreja, como semanas de oração, recolta, etc. Alguns desbravadores batizados nessa época, como Amanda, Aline Alan e Raphael hoje são líderes da igreja.
Dando continuidade a esse trabalho, assumiu o clube Maria Aparecida, mais conhecida como Cida, que sempre lutou pela união dos membros do clube e mesmo grávida não deixava de exercer sua função e nem faltava aos acampamentos.
Em seguida, tivemos o Marcelo que primava pela organização e conhecimento dos membros. Também fazíamos trabalho social em asilos, orfanatos e hospitais. Além dos campeonatos esportivos que participamos.
Formado no próprio clube, tendo frequentado desde os 8 anos de idade, Ricardo Freire também foi responsável por lidar com uma geração que estava iniciando no clube, inclusive com juvenis que não eram da igreja.
Leonardo Venâncio foi o diretor responsável por dar visibilidade ao clube, quando participamos pela primeira vez de um evento da União, além da interação mais acentuada com outros clubes. Também nessa gestão, o clube participou de seu primeiro evento oficial da USEB: o Campori da União, Derrubando Muralhas, realizado em Vilha Velha-ES em 2002. Evento que marcou a investidura desse diretor em Líder de Desbravadores.

Década de 2000
Em 2001, atendendo a demanda de crianças menores de 10 anos, a igreja viu a necessidade de criar um Clube Aventureiros e designaram a então Diretora Associada Aline Fernandes como primeira diretora do Clube de Aventureiros.
O primeiro líder formado em Colégio que assumiu o clube foi Alan Torres, que foi investido em 2005, no Campori Sul-americano realizado em Santa Helena-PR. Evento mais importante dessa gestão.
De 2005 a 2012, tivemos a direção de jovens formados no clube e que se tornaram Líderes de Desbravadores. Edinaldo Júnior, um jovem que conheceu Jesus através desse clube. Logo depois, Tiago Caetano e em seguida Peter Miguelez.

Década 2010
Em 2013, um dos frutos do clube de aventureiros, Michael Jerri, assumiu como diretor do clube de desbravadores. Seguindo a tradição e o objetivo principal do mesmo, a formação de novos líderes.
Em 2015, Gláucio Alves chegou à igreja de Colégio e assumiu a direção. Foi responsável pela ida ao Campori da USEB em Ipatinga-MG.
Em 2018, Raphael Cavalhiere, filho do ex-diretor Sérgio Ramos, é mais um líder da igreja formado pelo clube. Membro ativo dos 10 aos 22 anos de idade. Retornou para assumir a direção do clube e dar continuidade ao principal objetivo do clube: salvar do pecado e guiar no serviço! O desafio dessa nova diretoria já começou, ao batizar 8 desbravadores e se preparar para o Campori DSA em apenas 8 meses.
O clube hoje tem em sua diretoria pessoas que fazem parte dessa história e que aceitou cumprir fielmente a parte que lhes corresponde! Nesses 45 anos de história, Deus tem sido nosso Guia e Mantenedor e é por Ele para Ele que permanecemos firmes e sempre avante!
Reuniões secundárias: domingo às 9:00