Club de Conquistadores Pioneiros da Colina
Associação Paulista Sul

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del club Pioneiros da Colina
Pioneiros da Colina

Pioneiros da Colina

Conquistadores

Datos del Club

Fundación

01/09/1965 (54 AÑOS)


Región

DBV - 2ª REGIÃO


Dirección

ESTRADA DE ITAPECERICA, 5.859 - JD. IAE
SÃO PAULO - SÃO PAULO
05858000


Reunión principal

DOMINGO
08:30:00


Link externo

Clic aquí para accesar

Clasificación

História
CONHEÇA DOS DETALHES DESTA HISTORIA

Em 1965, o departamento Jovem da igreja do Instituto Adventista de Ensino (IAE) SP decidiu criar uma atividade diferente para os jovens. O Pr. Josino Campos deu a ideia de montar um clube de desbravadores na igreja, afinal a idéia era muito boa e já existiam outros clubes de sucesso funcionando nas igrejas adventistas no Brasil.
Indicaram o teologando Jose Silvestre, como diretor e a Alessandra Strartos como sua auxiliar e secretaria para iniciar esta atividade. Então no 2º semestre de 1965 iniciou-se o clube de desbravadores como parte do departamento jovem da igreja. As atividades que ocorreram neste semestre foram três excursões, uma para Mongaguá, outra para o Pico do Jaraguá e a outra para o Clube do Banco do Brasil.
Os jovens da igreja apoiaram tanto o clube de desbravadores que para 1966 ele foi aprovado como departamento único, ou seja, separado do departamento jovem. Foi indicado o teologando Paulo Ferreira Lima como diretor para este ano, Sharlot Lessa como auxiliar e Daiane Marsk como secretaria. Neste ano foram feitas vários cursos na área especifica dos desbravadores como curso de treinamento no campo, na mata, auxiliares de liderança, ordem unida, e artes manuais.
Em 1978 o teologando Jose Alves de Araujo assumiu a direção do clube e permaneceu ate 1983, ficando assim seis anos na direção do mesmo. Werner Hanelt, Roberto Faustino, Wilson Hanelt e Benedito Muniz formavam a vice-direcao juntamente com a secretaria Santina Faustino.
Neste período houve uma grande evolução, pois as associações começaram a coordenar esta atividade, porem o, Pioneiros da Colina já tinha uma estrutura formada como bandeira do clube, grito de guerra, uniformes padronizados e fanfarra. Por causa disso, o clube foi convidado para participar em muitas atividades extras como camporis de Divisão de União, pois era o maior clube com mais ou menos 170 membros de varias idades. Foram feitos, entre outros, dois acampamentos inesquecíveis neste período, o primeiro em 1980 em Santolino, RJ onde o clube participou de um desfile com a fanfarra no estádio do Maracanã.
E o segundo em 1982 em Ouro Preto, MG onde desfilou também com fanfarra no Mineirão. Em 1981 a TV Record promoveu um concurso de fanfarras em São Paulo e a fanfarra do clube ganhou em 1º lugar, com sua apresentação no estádio do Morumbi.
Alexandre Vaz, em 1985, foi indicado diretor do clube e ficou somente este ano na direção.
O teologando Lins Alves de Miranda, nos ano de 1986, 1987 e 1988, foi diretor do clube.
Em 1989 e 1990 o teologando Frank Viana Carvalho assumiu a direção do clube juntamente com Valdecir Padilha e Silvio Ferreira como vice-diretores e a secretaria era Rebeca Caetano. Alguns dos eventos foram acampamentos, no novo IAE, Juquitiba, Castelo Branco, duas investiduras de especialidade e lenço e uma investidura de medalha de prata e ouro (com participação do Pr. Jose Maria Barbosa e Roberto Cesar Azevedo). Duas caminhadas para Bocaina. Participação no desfile de sete de setembro (APS) com a fanfarra e um pelotão com 89 desbravadores em 1989 e com 105 desbravadores em 1990. Foram compradas 10 novas barracas.

Em 1991 e 1992 o teologando Julio Gaya liderou o clube e foram para os dois camporis que tiveram na época voltando com categoria A em ambos.
Em 1993 a Evelyn Bulandir ficou responsável pela diretoria do clube de desbravadores. E o clube também foi para o campori deste ano.
Em 1994 o Cesar Augusto Fonseca Ribeiro assumiu a diretoria levando o clube para o campori local deste ano. Sua vice-diretora era a Evelyn Bulandir.
Em 1995 e 1996 o diretor foi Ayalon Moraes Negrelli. O clube foi para um campori da APL em 1995 e fez dois acampamentos em 1996, um para o Rio de Janeiro e outro para Peruíbe.
De 1997 a 2000 o diretor era Francisco de Melo juntamente com Cesar Augusto, Paulo Pingituro, Vera Lucia e Lenice Nunes, que eram seus vice-diretores. Neste período o clube foi para três camporis, 1997 Reafirmando os ideais, APS, em 1998 Deus criou pra mim APS e 2000 Aventura no ar - APS e fez uma expedição para as cavernas (PETAR) em 1999. Foram feitos quatro cursos de capitães (um em cada ano) no sitio Serra Bonita em
São Lourenço. Eram feitas duas investiduras (de lenço, classes e especialidades) por ano, porem em 2000 tivemos uma investidura de lenço bem diferente e inesquecível, foi no dia 7 de setembro no sambódromo durante o desfile do pelotão dos desbravadores. Foram feitas caminhadas para Mogi – Bertioga, e parte da Trilha do Índio. O clube esteve presente na feira dos desbravadores em 1998 e no campori on-line em 2000. Foram feitos um acampamento interno em cada ano sempre no 1º semestre.
De 2001 a 2005 Alexandre Valdinei Vigani assumiu a direção do clube. Inicialmente sua equipe era formada por Cesar Augusto e Lenice Nunes. Depois entrou: Rita de Cássia, Thais Melo, Marcos Nunes, Fernando de Faria Melo, Alessandro Lei, Paula do Prado e Alair Paixão.
O clube participou neste período de 4 camporis, sendo um da USB 2002 Ponte de Amizade, Solidariedade e Esperança, em 2003 Por todo o mundo APS, em janeiro de 2005 em Santa Helena no campori da Divisão Sul Americana com 127 membros e em 2005 no X campori da APS Sempre de Jesus, em Itaipava.
Participaram da feira dos desbravadores em 2001, 2003 e 2004. Ficaram em terceiro lugar no treeking em 2003 pela APS. Foram feitos um acampamento interno por ano. Uma excursão foi feita em 2001 para o PETAR onde os 94 desbravadores conheceram 6 cavernas. Em 2003 ganhou o troféu de melhor clube em Ordem Unida da APS. Foram feitos quatro cursos de conselheiros sendo um em Mairinqui e três internos. Quatro cursos de capitães, dois em Serra Bonita São Lourenço, um no sitio Bom Sucesso e um interno.
Foram feitas quatro caminhadas, em 2001 e 2002 para o Pq. Ecológico de Cubatão e em 2003 e 2004 para Juquitiba. Em 2005 participou de um acampamento com o clube Luzeiros do Vale.

De 2006 a 2009 foi votado para diretor Alessandro Romaneli Lei. Durante este período sua equipe foi formada por Alexandre Vigani, Alair Paixão, Lenice Souza, Thais Melo, Marcos Oliveira, Victor Inácio, Manoela Inácio, Emily Barbosa, Paulo Pingituro, Ivan Macedo e Wellington Felipe. Foram realizados 5 cursos de conselheiros, 7 caminhadas (entre elas para Bertioga e Cachoeira do Funil), 3 acampamento interno, o 1° InterClubes da Colina, programação para as mães e pais, Voz do Juvenil, investiduras, batismos e participação no XI campori da APS "Ser Feliz", 2006, e no V Campori da UCB "Coragem Pra Vencer", 2007, como maior clube com 121 participantes. Fomos o primeiro clube Bicampeão do torneio de Ordem Unida da APS. Em 2009 tivemos uma excursão ao PETAR, onde foram 110 pessoas. Neste ano foi também a investidura de líder, do então diretor do clube, Alessandro Lei, juntamente com sua esposa Thais Lei e seus amigos Fellipe Roscelli e Anderson Augusto.
Entre 2010 e 2012 o diretor eleito foi Marcos Oliveira Nunes. Que já foi conselheiro, diretor associado, instrutor, diretor do Sentinelas da Colina e só então diretor do Pioneiros da Colina. Sua primeira diretoria foi formada por Alexandre Vigani, Alair Paixão, Victor Inácio, Thais Lei, Manoela Pingituro e Welington Felipe. Recebeu também a ajuda de Rosangela Cardoso, Kelly Nunes, Bianca Vargas, Fellipe Roscelli, Ivan Macedo, Wanderson de Oliveira e Karoline Oliveira. Ocorreram cursos de conselheiros, voz do juvenil, CIPC's, acampamentos, e muito mais. Comemoramos 45 anos do clube de desbravadores Pioneiros da Colina em 2010 sob o tema APRENDENDO A SERVIR. Em 2011 participamos do campori por unidades ESCALADA RADICAL, onde as doze unidades se saíram muito bem e o então diretor foi investido em Líder Master Avançado (o primeiro do Pioneiros da Colina). Em 2012 além dos nossos diversos eventos internos participamos do VI Campori da União Central Brasileira O GRITO DA VITÓRIA como o maior clube (196 membros), foi uma linda festa. Esse também foi o último ano da gestão de Marcos Nunes que foi substituído por seu grande amigo Victor Inácio.
Em 2013 Victor Inácio foi nomeado diretor do clube, ele já foi desbravador, conselheiro, diretor associado, capelão e ancião no clube Pioneiros da Colina, também foi diretor do clube de Líderes Sentinelas da Colina por dois anos. Em seu primeiro ano a diretoria era formada por Alexandre Vigani, Alair Paixão, Welington Felipe, Bianca Vargas, Ivan Macedo, Wanderson de Oliveira, Aline Nonato, Marcos Oliveira, Karoline Oliveira, Raphael Vellozo e Amanda Dias. Nesse ano o clube realizou um curso de conselheiros, Acantonamentos, caminhada para o Embu – Guaçu e Pico do Jaraguá, excursão para o Parque das Hortênsias. O clube realizou também o XIX CIPC “Filhos de Israel”. O clube participou nesse mesmo ano dos Jogos Regionais da 6º Região e teve um grande desempenho, participou também do primeiro Concurso de Ordem Unida da 1º Região onde foi campeão. O clube realizou uma apresentação de ordem unida no colégio FIDENS e fez uma visita ao Corpo de Bombeiros da Represa Guarapiranga e uma visita ao COE na academia do Barro branco da polícia, onde os desbravadores puderam receber instruções de fogueiras, abrigos e caminhadas. Nesse ano iniciamos um projeto para os momentos de atividade geral do clube, chamamos esse projeto de UTI, onde os desbravadores realizam cursos em diversas áreas como fogueiras, nós, amarras, trabalhos manuais, etc., e após o completar o curso os desbravadores recebem especialidades referentes ao curso e mais um certificado, iniciamos o projeto de UTI com 9 cursos, o projeto foi coordenado nesse ano pelo instrutor Anderson Fernando. O clube nesse ano também confeccionou um novo uniforme de campo que foi utilizado pela primeira vez no V Campori da Divisão Sul-Americana que aconteceu em Janeiro de 2014, onde o clube participou como o clube com o maior número de inscritos (151 membros).
Em 2014 Victor Inácio continua como diretor, mantendo a mesma equipe de diretoria, durante esse ano o Clube já participou do V Campori da Divisão Sul-Americana, realizou curso de conselheiros, acantonamento, caminhada para o Pico do Jaraguá e Embu-Guaçu e o primeiro Acampamento de Treinamento “A Prova de Fogo”, onde os desbravadores puderam trabalhar diversas áreas como fogueiras, amarras, nós, civismo, orientação com bússola, abrigos e ordem unida. Iniciamos as UTI’S em 2014 com 12 cursos.