Club de Conquistadores Phoênix
Associação Planalto Central

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del club Phoênix
Phoênix

Phoênix

Conquistadores

  • Miembros 25
  • Directiva 22
  • Total 47

Datos del Club

Fundación

02/09/2000 (18 AÑOS)


Región

16° REGIÃO - DESBRAVADORES


Dirección

MODULO G LOTE 1 - MESTRE D'ARMAS
BRASÍLIA - DISTRITO FEDERAL
73330000


Reunión principal

DOMINGO
09:00:00


Clasificación

Clube de Desbravadores Phoênix

Ouvia-se falar sobre clube de Desbravadores no grupo Adventista do sétimo dia de Mestre D Armas em Planaltina DF, um dos primeiros grupos formados na Região, onde alguns membros já haviam participado de algum clube em algum lugar do país. Um grupo especial formado com muitas dificuldades que teve seu primeiro espaço ainda alugado, com tamanho suficiente para os membros da época, com irmãos carentes, mais com a certeza de levar sempre a mensagem de esperança da volta de Jesus aonde quer que fossem. O tempo foi passando a mensagem sendo ainda mais pregada no Bairro, os batismos foram acontecendo, e um novo espaço foi necessário, e encontrado, já não cabia mais no mesmo. Novas pessoas foram conhecendo essa mensagem e tudo isso continuou a se expandir. Os pioneiros ainda assim aguardavam a chegada de uma novidade para jovens e juvenis. Enquanto isso não acontecia, mais pessoas foram chegando para abrilhantar ainda mais a história desse grupo. Novidades com a chegada de pessoas para liderar e ajudar a igreja e começar a dar um novo rumo para os jovens e juvenis do ainda então grupo Mestre D´Armas.
O sonho de ter um clube de Desbravadores no Grupo fez a Liderança composta por Irmã Edna, Irmão Márcio, Irmão Erivaldo, Irmão Carlos, Irmão Eujasto e suas famílias e mais algumas outras famílias, convidarem, Luiz Emanuel e Luiz Henrique (Filho) e também sua família, pois tinha experiências de anos com o departamento liderando e ajudando na fundação de salvadores do pecado e guiadores do serviço.
Chegou então a hora de reunir toda a liderança do grupo e fundar o 2º clube de Planaltina – DF. E isso aconteceu. No ano de 2000 foram dados os primeiros passos para definitivamente organizar o clube de Desbravadores (Phoênix) que ainda não havia nome e nada oficializado. Diante das dificuldades alguns líderes saíram para treinamentos de Diretoria promovidos pela Associação Planalto Central – APlaC, e buscaram motivação e compromisso com a juventude do Grupo para começar as atividades.
2000
Esse foi o ano de preparação para o projeto do clube Phoênix, novas pessoas foram formando a liderança do Clube, e mais juvenis foram chegado à IASD de Mestre D ´Armas para então assim realizar o sonho de formar um Clube de Desbravadores. Reuniões foram feitas, decisões foram tomadas, o nome do clube decidido, e a hora do registro chegou.
O clube foi registrado no dia 02 de Setembro de 2000, na Associação Planalto Central – AplaC como clube de Desbravadores Phoênix como fundador oficial e 1º Diretor Luiz Emanuel. Dai para frente vieram os desafios maiores montar uma liderança capaz de fazer o clube, voar e alcançar as vitórias, salvando do pecado e guiando no serviço.
2001
Liderança formada, fazer o trabalho. E o trabalho definitivamente se iniciou em março de 2001, quando a liderança formada por Luiz Emanuel, Erwin, Márcio, Carlos, Ednilce, Luiz Henrique e Eliane, saíram para um treinamento promovido pelos Líderes Luiz Emanuel e Erwin, na Fazenda Cocalzinho (Fazendo do Líder Erwin) nas proximidades da cidade de Posse – GO.
Abaixo Primeira Diretoria do Clube de Desbravadores Phoênix:
• Diretor – Luiz Emanuel;
• Diretoras Associadas – Ednilce e Eliane;
• Conselheiros – Márcio e Luiz Henrique;
• Instrutores – Carlos Sampaio, Erwin;
• Capelã – Edna Freitas;
O treinamento surtiu efeito e a liderança voltou ainda mais animada, e encorajada para realizar o trabalho com os jovens e Juvenis. O tempo foi passando e o 2º Diretor do Clube de Desbravadores já foi assumindo no segundo semestre de 2001. Marcio José assumira o clube após a Saída de Luiz Emanuel e leva o Trabalho a frente. Ainda falava-se pouco sobre Desbravadores na Região, mais o clube foi crescendo a cada dia buscando, conhecimentos, organização, estrutura e aprendizado. Para a Região na época comandada pelo Regional Eudes, ainda era uma novidade o Clube de Desbravadores, por mais que houvesse o clube Planalto, na Igreja Central de Planaltina não havia nos bairros vizinhos clubes de Desbravadores.
2002
Em 2002 o projeto foi fazer o primeiro acampamento entre Clubes para o Clube de Desbravadores Phoênix, e isso Aconteceu. O Acampamento aconteceu na Fazenda da Irmã Edna (Capelã do Clube) nas proximidades de Cabeceira da Mata – GO, juntamente com o Clube Tigre de Planaltina – GO, na época tendo como Diretor Oséias. O evento ficou marcado na vida dos novos Desbravadores do Clube Phoênix, histórias são contadas até o presente momento como um dos melhores acampamentos de Clubes que todos já participaram (geralmente o primeiro sempre é marcante). O ano continuou e as barreiras foram ultrapassadas, ainda assim precisava-se de estrutura. Materiais de cozinha, uniformes, entre outros foram adquiridos com muito suor e correriaaaaaaa. A Região tinha uma nova Regional, Shirlene deixou saudades quando se despediu mais deixa sua marca ajudando o Clube com seu Carisma, Motivação, visitas constantes para ensinamentos entre outros.
Nomes importantes da época:
• Departamental - PR Fernando Iglesias;
• Regional – Shirlene;
2003
Esse ano ficou marcado com a ida do clube para o Primeiro Campori - 3º Campori da APlaC - evento o qual realizado pela Associação Planalto Central – AplaC comandada pelo Departamental Pr Joel , na Granja do Torto. Mas antes de falar sobre esse evento, deve-se lembrar de outras atividades que ocorreram, e também lembrar que houve a entrada de Desbravadores Novos, e uma Diretoria um pouco inexperiente para eventos mais com vontade e perseverança para levar os Desbravadores ao Topo de Atividades anuais. Houve um acampamento realizado nas proximidades da cidade de Agua Fria – GO, onde o clube realizou atividades de cartões, Atividades Espirituais, Atividades junto a natureza entre outras. Devido a dificuldades e inexperiência ainda na área de cartões e classes regulares, o clube não teve investiduras, porém esses momentos foram chegando aos poucos.
Mais o grande momento estava sendo aguardado por todos. O 3º Campori da Associação Planalto Central UNIDOS NO AMIGO JESUS estava tão próximo que muitos duvidaram que o clube conseguiria chegar. Todos devem está imaginando as dificuldades enfrentadas, e não se pode deixar de falar sobre isso. Da Região agora comandada pelo Regional Ezequias e Elielson, o Clube Phoênix buscava forças para ir ao evento. Pessoas importantes apareceram. Para o evento um novo Diretor assumiu. Erivaldo, membro da IASD de Mestre D ´Armas e já fazendo parte da Diretoria assumiu o clube de Desbravadores na reta final para chegarem ao campori. E tudo isso aconteceu foi marcante, o clube conseguiu uma doação maravilhosa de 6 barracas Canadenses doadas pelo até então Deputado João de Deus, o transporte dividido entre os membros do clube e todos abraçaram a causa. Um convite é feito. Luiz Emanuel e Luiz Henrique vieram e se juntaram novamente ao clube, na ocasião construíram o Portal de entrada do acampamento do Clube. Testemunhas contam que foi um dos mais bonitos e parabenizaram o clube pelo feito. Finalizando o Campori as palavras mais esperadas por todos estavam em pauta será que um clube em seu primeiro campori conseguiria atingir o alvo de excelência e levar o padrão máximo? Aconteceu o clube de Desbravadores Phoênix trás para a Sede seu primeiro troféu de Campori com o Padrão “A” conseguido com muita luta e suor assim como foi sempre o clube. O fim do ano chega e as atividades se encerram com a despedida de alguns membros e também do Diretor Erivaldo. A IASD de Mestre D´Armas decide em Comissão que o próximo Diretor seria Márcio José.
2004
Mais um ano se inicia e uma Diretoria com membros antigos, e mais alguns novos correm atrás para continuar o trabalho no Clube Phoênix. O corpo formado pelo Diretor Márcio, Associados Carlos Sampaio e Lúcia Bernarda, Secretária Noeli, e alguns conselheiros como Luiz Henrique, Josimar, Tairo entre outros e membros das unidades Cruzeiro do Sul e Órion dava caras de um novo ano com muito trabalho a ser feito. E isso se inicia com o TBD (treinamento Básico para Diretoria) no Catre (Samambaia) onde alguns membros da Direção participaram desse treinamento e colheram frutos para o trabalho. As reuniões aconteciam normalmente, materiais eram trocados por novos e outros também eram adquiridos. O clube continuava a realizar campanhas para arrecadação de fundos, campanhas essas quais que fizeram que o clube fizesse seu 3º acampamento Interno que ocorreu também nas proximidades da cidade de Água Fria – GO. Na oportunidade houve instruções de cartões, recreação e uma trilha onde todo o clube foi dividido em dois grupos. Porém em meio a dificuldades o clube não conseguiu participar do Campori realizado pela UCB. Mais foi neste ano que os Regionais Ezequias e Elielson promoveram o 1º Campori de Líderes das 3ª Região realizado no Aras Cruzeiro do Sul próximo ao Indaiá – Formosa - GO. Contava com clubes de Planaltina – DF, Planaltina – GO e Formosa entre convidados. O evento foi marcado novamente por muitas dificuldades enfrentadas, entre essas dificuldades foi um pequeno acidente ocorrido com alguns membros do clube. Um reboque acoplado no Carro do Diretor Márcio desengatou o que o levou as Bordas da estrada estragando alguns materiais e atrasando a chegada do clube ao local. Portais foram construídos e os membros chegaram. O clube estava representado por: Márcio (Diretor), Carlos (Associado), Lúcia (Associada), Noeli (Secretária), Luiz Henrique, Josimar e Tairo membros e como cozinheiro Irmão Francisco (o Baianinho). A inexperiência ainda era visível no clube, mais em vim conseguiu chegar, realizou e alcançou as metas desejadas.
2005
O ano se inicia novamente com um TBD, esse agora acontecendo no Aras Cruzeiro do Sul. Evento promovido pelo Pr Areli Barbosa o Departamental de Jovens da APlaC. Membros da Direção do Clube Phoênix participou do Evento e mais uma vez carregou para si o aprendizado. Um ano sem muitas participações em eventos grandes, onde nesse mesmo ano houve o CAMPORI DA DIVISÃO SULAMERICANA, naquele momento não houve manifestações para ida do clube (ainda não era a hora). Mais algo de inédito e muito esperado estava para acontecer naquele ano. Organizado pelo Diretor Márcio José, associados Lúcia Bernarda e Carlos Sampaio e com o apoio maciço dos Regionais Ezequias e Eliélson as unidades Cruzeiro do Sul, Órion e o clube Phoênix teve sua primeira investidura de Classes Regulares, organizada na IASD de Mestre D ´Armas atual sede do Clube. Mais para que isso acontecesse houve muitas atividades. E mais um acampamento foi realizado, agora a caminho da cidade de São Gabriel o clube acampou na Fazenda do Lessa e o acampamento foi Intitulado como acampamento da Vaca Morta. Trilhas foram feitas, provas, atividades espirituais e muito mais para que os Desbravadores conseguissem alcançar a meta de se investirem em Classes Regulares e avançadas, o trabalho dos cartões estava sendo realizado, e muitas atividades teriam que ser feitas para que a investidura acontecesse. Instrutores convidados davam aulas de nós, amarras e ordem unida para a Família Phoênix. O dia Em fim Chegou e os primeiros Desbravadores Investidos em Classes Regulares e Avançadas no Clube de Desbravadores Phoênix, alguns desses foram: Dilton Alves Café Filho na Classe de Companheiro e Companheiro de Excursionismo, Andressa Helena Classe de Amigo e Amigo da Natureza. Com a presença ilustre do Regional Ezequias e local ainda então a IASD de Mestre D’Armas em fase de construção houve então a Primeira Investidura de Classes do Clube de Desbravadores Phoênix, na gestão do Diretor Márcio José Soares Lopes.
O ano se finda com a certeza de que 2006 viriam para entrar para história novamente do clube de Desbravadores Phoênix.
2006
O ano começa sem novidades nos cargos de direção o Diretor Márcio José permanece no cargo de Diretor e Carlos Sampaio e Lucia Bernarda permanecem como associados. Mais novos Desbravadores surgem depois de uma campanha realizada pela Direção no Colégio JK e Pompílio Marques o Clube de Desbravadores Phoênix passa a ter cerca de 40 Desbravadores distribuídos em 5 unidades apartir daquele momento. As unidades Lions, Órion, Alfa, Scorpions e Camaleon formaram o novo clube de Desbravadores Phoênix.
O objetivo maior do clube no ano de 2006 era chegar ao campori da APlaC Unidos na Fé, marcado para acontecer na Granja Do Torto, com a Direção do Novo departamental de Jovens da APlaC Fernando Mello. Seria um desafio e tanto levar o clube com mais membros para o Campori na Granja do Torto. Antes desse Campori houve um acampamento de Inter Unidades interno, na Fazenda do Luiz Emanuel próximo a Planaltina de GO exatamente no Bairro Vale Verde. Na Chegada ao acampamento o Clube Phoênix foi colocado em forma e com comandos de ordem unida e realmente todos unidos a área de Acampamento foi completamente limpa, o Matagal foi baixado, e as Barracas foram montadas. A noite passou e no outro dia houve Instruções de Cartões dados pelos líderes, Márcio José, Tairo, Luiz Henrique, Luiz Emanuel, Raquel Lopes entre outros Líderes. O Dia se passou e logo a noite começou o programa de CAÇA AO TESOURO. Neste caça ao Tesouro foi dividido os Desbravadores em 2 Grupos grandes com o objetivo de procurar um tesouro, mais ninguém esperava que havia um 3º grupo chamado o Grupo Pirata, esse grupo tinha o papel de prender membros dos dois grupos e impedir que eles achassem o tesouro. Na oportunidade o grupo pirata conseguiu prender 3 membros de cada grupo dificultando ainda mais a chegada deles ao Tesouro. Com a descoberta de que havia um 3º grupo, as equipes se prepararam para enfrentar esse obstáculo, uma das equipes lideradas por Thiago Andrade então conselheiro da Unidade Lions montou uma estratégia de subirem a uma árvore ao longe onde podiam avistar alguns passos do Grupo Pirata, ao fim o Grupo Pirata não resistiu a força dos Grupos e soltaram os presos para seguirem na caminhada rumo ao Tesouro. Esse acampamento se encerrou com uma caminhada Rumo a Cachoeira do Vale Verde, onde todos puderam desfrutar de um banho delicioso, e onde foi também realizada uma Falsa baiana que alguns se arriscaram a participar do evento. A pontuação foi entregue e a nova Unidade do Clube Camaleon foi a Vencedora com mais pontos conquistados.
No decorrer do tempo houve a necessidade de unir mais a liderança em trabalho e eficácia, e então surge a idéia de montar um clube de Líderes no próprio clube. E a idéia saiu do papel quando Luiz Emanuel retorna ao Clube para então assim dirigir o Clube de Líderes. A 1ª reunião aconteceu na IASD de Mestre D´Armas com a supervisão do Diretor do Clube Márcio José Soares, e algumas atividades foram feitas. Alguns líderes se motivaram a fazer o cartão de Classes Agrupadas, e foi nisso que pequenos passos foram dado a líderes que ainda acompanham o clube. Mais um dos dias mais tristes para o Clube de Desbravadores Phoênix fez com que muito meditassem em suas vidas e analisassem como estava com Deus. O Falecimento de Nossa querida Irmã Edna Aparecida Freitas, (uma das Fundadoras do Clube Phoênix) em meio a uma reunião que estava acontecendo fez com que muito chorassem e meditassem. Como ficaria a Igreja depois do Acontecido? Houve desânimos e muito ainda não acreditavam, mais a vida teria que continuar. Outros líderes surgiram na Igreja e apoiaram maciçamente o trabalho do clube. Infelizmente devido alguns acontecimentos extra – clube o Clube de Líderes não progrediu, mais uma semente foi plantada em alguns líderes que continuaram na caminhada rumo a investidura de Líder.
O tempo foi passando e alguns Desbravadores Infelizmente saíram do Clube. Mais o melhor estava por vir o clube se preparava para mais um Campori, intitulado Unidos na Fé, e o clube chegou ao Campori com muita dificuldade, mais conseguiu cumprir todos os pré-requisitos. E o resultado da Pasta de pré Requisitos completa e provas como nós e amarras, Ordem Unida com Evolução, história dos Desbravadores realizadas com sucesso fez com que o Clube buscasse mais um troféu esse agora com o padrão 5 estrelas. O ano se encerra com a certeza de que o Clube teria que continuar o trabalho e incentivar ainda mais os juvenis.
2007
Direção renovada, agora com Carlos Sampaio como Diretor e Márcio José como Associado tendo como associada Lúcia Bernarda, o ano começa com muitas inscrições e alguns novos Desbravadores. De Regional novo a XIV Região agora era comandada por Damião pertencente a IASD do Setor Sul Planaltina – DF. Os novos Desbravadores ainda não sabiam o que viria pela frente. 1º Campori Da UCOB (União Centro Oeste Brasileira) marcado para acontecer no IABC (Instituto Adventista Brasil Central) em Anápolis – GO. O tempo foi passando e mais um acampamento de Clube foi Organizado. Esse acampamento agora marcado juntamente com o novo clube que surgiu em Planaltina de Goiás mais precisamente em Brasilinha 17, Guerreiros do Planalto na Direção de José Maria Durães, Alexandra e Eveny Agostinho, Keneson entre outros convida então o Clube Phoênix para juntos organizarem um Acampamento de Unidades. Uma reunião foi previamente feita para organizarem cada detalhe do Acampamento. As lideranças de ambos os clubes se reuniram e assim montaram o programa do Acampamento de Unidades. O dia do acampamento chegou e membros da liderança dos dois clubes foram preparar a área do acampamento um dia antes de todos chegarem. E Josimar Andrade, Luiz Henrique, Thiago Andrade, Diego Andrade e Tairo Oliveira do Clube Phoênix se juntam a Kenesson, Xandão, Tiago, Laulique do clube Guerreiros do Planalto para montar acampamento. A chegada meio conturbada ao acampamento com muita chuva fez com que essa liderança abrisse uma lona e jogasse todo o material em baixo fazendo então um abrigo para todos ficarem até que passasse as chuvas. A chuva passou e foram montadas duas barracas para passarem a noite. Logo ao amanhecer meditamos com as palavras da Bíblia sendo proferidas pelo Líder Capelão Kenesson, após a oração começou-se o trabalho de preparação para o acampamento.
Barracas foram montadas bem alinhadas, um abrigo para cozinha também foi montado, e um fogo do conselho enorme foi preparado para a abertura do evento. Mais não foi só os montadores de acampamento que trabalharam para o evento. Enquanto eles trabalhavam no local os Diretores Carlos Sampaio e Márcio José e Durães corriam atrás de alimentação e materiais em geral que seriam utilizados no evento. Ao fim do dia começa a chegada de todos os acampantes ao local de acampamento. O evento em fim se deu início no pôr do Sol com todos os Acampantes e a presença de Paulo e Alberto como Oficiais de Dia do Acampamento. Não se pode esquecer-se das chuvas. Choveu muito no local e muitos desbravadores ficaram desabrigados devido as fortes chuvas, mais nada que Desbravador não dê jeito e todos terminaram de dormir a noite e com a certeza de que Deus ajudaria no outro dia. E foi isso que aconteceu com o sol todas às barracas se secaram, e logo mais a noite do 3º dia de acampamento aconteceu algo muito esperado por todos. A trilha (mais conhecido como rala). Foi dividido o acampamento em 4 grupos e cada um seguiu a trilha um de cada vez. O primeiro grupo foi inspecionado por Márcio José e Josimar Andrade, e o Segundo grupo foi Inspecionado por Tairo Oliveira e Luiz Henrique. Testemunhas dizem que o grupo em que mais ralou foi o Primeiro grupo. A trilha feita com azimutes começou com todos subindo uma serra, e todos procurando os azimutes. No meio da trilha houve um rastejo obrigatório para todos quando todos deviam entrar na água. Isso já era 2 horas da manhã. Com o frio batendo a trilha continua e testemunhas dizem que ouve gritos e muito desespero de alguns desbravadores. Logo mais as 07:00 horas da manhã a trilha se encerra com a ira do Capelão Kenesson ao saber que deveriam voltar a trilha inteira. Mais logicamente isso não aconteceu. O acampamento acabou com a seguinte certeza, dava-se mais um passo no preparo para os fins dos tempos, onde todos serão perseguidos.
UCOB. Esse era o objetivo maior. E aos poucos foi sendo alcançado. Com muitas dificuldades o clube Phoênix consegue se inscrever no evento com a certeza de que ainda teria muito a aprender, mais que aos poucos estava aprendendo. Nas vésperas houve muitas reuniões de planejamento e toda a equipe estava montada para o evento. Novamente com a ajuda de Deus e do nosso Pastor Raimundo Pereira, os primeiro membros do Clube Phoênix já se aproximavam do local para montar acampamento. Josimar Andrade, Tássio Oliveira, Luiz Henrique, Tairo Oliveira, Carlos Rafael e Luiz Emanuel carregados pelo PR Raimundo e um Caminhão alugado pelo Diretor da IASD de Mestre D´Armas Felizberto Pereira o Betinho com todas as tralhas e dirigido pelo Durães estavam chegando ao local do Campori. O interessante que alguns líderes foram na parte de trás do Caminhão embaixo de uma lona. Aventuras que serão para sempre. A montagem do portal começa e muita coisa começa a acontecer. Ao fim do Primeiro dia sem ter o que comer, esses líderes andam cerca de 5 km atrás de comida para comprar numa cidadezinha próxima. Realmente não consegue-se esquecer.
O campori começa e muitas atividades são feitas. O organizador do evento PR Paulo Iglesias Bravo, dar o pontapé inicial em um programa especial com fogos de artifício e muita comemoração entre os clubes. Muitas brincadeiras, eventos importantes, feira de ciência, exibição de artistas como OS GINAS LOUCOS e os BIKEIROS fazem a festa da garotada ao exibirem acrobacias com bola de basquete e Bikes. Testemunhos, curiosidades, concursos entre tantos os eventos que o clube Phoênix participou ativamente e trouxe para casa muitas lembranças. Não pode esquecer-se de um momento muito marcante. O Pelotão de Elite de Ordem Unida Liderado Por Márcio José leva pontuação máxima na prova e enche os olhos de todos que assistem ao evento. Esse pelotão formado pelos 16: Elton Madeira, Tairo Oliveira, Dilton Café, Kayla, Felipe, Josimar Andrade, Tassio Oliveira, Lana, Ravena, Diogo Andrade, Raquel Lopes, Jéssica Vitória, Leonardo Gonçalves, os três restantes vem a falhar a memória. Ao final do campori todos os clubes recebem o seu troféu, e cada Desbravador leva pra casa a Certeza de ser + QUE VENCEDOR, e cada um carregando o seu trunfo e sua Bíblia do Campori vão para casa satisfeitos e certos do dever cumprido.
2008
Depois de mais um sonho alcançado, e uma meta cumprida em 2007, o ano de 2008 começa com algumas mudanças na Direção do Clube Phoênix mais foram poucas. Novamente Carlos Sampaio da continuidade ao trabalho como Diretor do Clube para aquele ano. Lúcia Bernarda permanece como Diretora Associada e Tairo Oliveira assume como Diretor Associado. Essa mudança ocorreu por que Márcio José Assume a Região como novo Regional.
Muitos desbravadores permanecem, e alguns novos entram para o clube. E dois eventos em particular anima o Clube em mais um ano.
Era novidade não havia acontecido ainda na APLAC. O que é? O que vai acontecer? Trata-se do 1º CAMPORI DE LÍDERES DA ASSOCIAÇÃO PLANALTO CENTRAL – APLAC organizado e dirigido pelo Departamental de Jovens Fernando Mello. Marcado para acontecer no Catre(centro adventista de treinamento e recreação) próximo a samambaia. E o clube Phoênix apostou em mais esse desafio. O início foi sofrido. O Diretor Carlos Sampaio não pôde dar a sua ajuda, e infelizmente não iria ao Campori, assume então Diretor Associado Tairo Oliveira e monta uma unidade para participar do evento. O desafio grande, porque a decisão de ir ao evento foi tomada em apenas 42 dias antes. O que fazer a liderança começou a trabalhar. Tairo Oliveira, Josimar Andrade, Raquel Lopes, Juliana Souza, Dilton Alves, Abilane de Sá, chegam ao evento para fazer História. O clube agrupou mais dois Guerreiros na unidade, Durães e Alexandra não resistiram ao cansaço de uma longa viagem do Rio de Janeiro a Brasília e não puderam ir ao evento. Alguns relatórios foram feitos, uma camisa foi preparada com o nome da Unidade Batizada como Zeta Phoênix uma Constelação do Mundo de Phoênix. Trilhas, ralas, musica, muita espiritualidade, pioneirias, natação, descida de bote, rapel entre várias premiações foram feitas no evento. Uau parecia algo de outro mundo que evento. Com certeza um dos melhores que o clube já participou. No final retribuído com muita comemoração e força dado a todos. Fim de um evento. Preparativos para outro. Estava vindo mais uma novidade na Associação. O que é? O que vai acontecer? 1ª OLIMPÍADA DE DESBRAVADORES DA ASSOCIAÇÃO PLANALTO CENTRAL – APLAC. Marcada para acontecer no SESC de Taguatinga. Os preparativos foram feitos. Tudo aquilo era uma novidade muito boa para todos. Os Desbravadores se animaram ainda mais por saber que se trata de esporte. E o clube foi.
Organizada pelos departamentais da UCOB Paulo Bravo e APLAC Fernando Mello, as Olimpíadas de Desbravadores reuniu mais de 40 clubes da Associação e foi muito divertido. Provas que uniram esporte com o Clube de Desbravadores proporcionaram alegria e muita diversão aos Desbravadores e Líderes que também puderam participar. No final dois Líderes se investiram no evento, e pode-se dizer que foi aquela investidura que motivou os líderes do Clube Phoênix a se investirem.
Um ano marcado por conquistas se finda com alegria e muito entusiasmo de muitos para o ano posterior.
2009
Depois de mais um sonho alcançado, e uma meta cumprida em 2008, o ano de 2009 começa com algumas mudanças na Direção do Clube Phoênix mais foram poucas. Novamente Carlos Sampaio da continuidade ao trabalho como Diretor do Clube para aquele ano. Lúcia Bernarda permanece como Diretora Associada e Tairo Oliveira como Diretor Associado. A meta agora levar os Desbravadores a se investirem em classes e participar dos eventos, além de proporcionar aos Desbravadores companheirismo e mais espiritualidade. E aos poucos isso foi acontecendo. A classe bíblica acontecia de uma forma bem animada. A ordem unida também funcionava muito bem, e a APLAC ousou em fazer um dos maiores Camporis de sua História. Esse agora reuniria APLAC e ABC em CORAGEM PRA PERMANECER. Será que dava pra ir. As inscrições foram caras, mais o clube para honra e Glória de Deus mais uma vez conseguiu. As atividades de pré requisitos foram sendo realizadas aos poucos. E um desafio maior chamou a atenção do clube e de um Desbravador em particular.
Havia no campo, ainda recém chegado o projeto do BOM DE BÍBLIA para desbravadores. Algumas etapas foram realizadas internamente sem muito êxito entre os Desbravadores. Mais alguém pensou mais alto, e ainda com 12 anos de idade AILSON DOS SANTOS entra para história do Clube de Desbravadores Phoênix e até mesmo para História da APLAC como campeão da etapa principal do Bom De Bíblia realizada no campori, com cerca de 3 mil participantes. Realmente isso foi um marco para o clube e para o campori que o homenageou, presenteando-o com uma Bicicleta zero. Testemunhas dizem que o menino se esforçou bastante e dias antes havia comentado que passaria nessa prova e se preparou para tal. Ailson dos Santos acertou 59 questões de 60 apresentadas pela prova. Realmente algo de ser contado e registrado na História do clube como está sendo feito.
Mais não foi só o Ailson dos Santos que entra para História do Clube de Desbravadores Phoênix. Mais alguém estava por vir. Quem ? os primeiros Líderes Investidos do Clube seriam condecorados no evento. E aconteceu, depois de muita luta, noites de sono perdidas, acampamentos realizados, projetos comunitários, envolvimento no evangelismo da Igreja, Tairo Oliveira Silva, Josimar Andrade Pereira, Raquel Lopes da Silva e Márcio José (Regional) se investiram em Líder naquele evento. Aquilo seria um chamado para novos líderes aparecerem e brilharem pelo clube de Desbravadores Phoênix e também pela região.
O final do ano se aproxima e a vontade de cada desbravador se investir faz com que as coisas andem internamente falando e se encaminhem para o melhor possível. A cerimônia de investidura acontece regionalmente, desbravadores do clube Phoênix se juntam a outros clubes e se investem nos cartões de classes. Amanda Lorena, Ailson Dos Santos, Andressa Helena, Larissa Sampaio, Milena Karen participam da festa organizada por líderes mais como personagens principais.
2010
Novidades acontecem no Clube. Um novo diretor assume com a responsabilidade de dar continuidade no trabalho e agregar mais conhecimentos e mais motivação ao Clube. Tairo Oliveira Silva como Diretor, tendo como associados Cecília Antônia e Carlos Sampaio partem para um novo desafio. Chamamos de desafio porque foi mesmo isso que aconteceu. Estava chegando a Primeira Feira de Desbravadores da APLAC para acontecer no Parque da Cidade em Brasília – DF. O clube se preparou para essa novidade de forma ainda inexperiente mais eficaz. Requisitos como ordem unida, música, talentos espirituais estavam sendo cobrados nesse evento, mais o que não podia faltar era produtos artesanais desenvolvidos e confeccionados por Desbravadores. O clube fez várias coisas como Puffs, Vidros de Bisqui, entre outros produtos artesanais. E o dia do evento se aproximava. Contamos com a ajuda de um candidato a Deputado Distrital Isaías Leão com o transporte para o local. E na preparação foi confiado ao Clube Phoênix Juntamente com o clube Querubins e Vênus a cerimônia de Abertura do evento. Ensaios foram feitos, e os clubes se prepararam para a cerimônia do local. Em fim o dia chegou as 07h00min horas da manhã o clube de Desbravadores Phoênix carregados por uma Kombi do Deputado rumo ao Parque da Cidade para participar do evento. Um momento especial (e muito engraçado) entra para história do evento. A viagem é atrapalhada por algo inusitado. Próximo a Cidade de Sobradinho – DF o motor da Kombi estoura, soltando muita fumaça nos Desbravadores dentro da Kombi e causando um alvoroço e muita risada entre todos. Ao descer da Kombi os desbravadores, entram em estado de muita risada e diversão e não se sabem como fazer para chegar ao local. Um ônibus com o pessoal se aproxima, e o Regional Márcio colabora levando alguns Desbravadores em seu carro. Em fim o clube chega ao local e participa ativamente dos eventos, que ocorrem. Participa da Cerimônia, ordem unida, vende alguns dos seus produtos e leva para casa um troféu lindo como clube vencedor.
Mais um evento chama a atenção de todos os líderes do clube. O 2º CAMPORI DE LÍDERES DA APLAC se aproxima e a Liderança se compromete a levar o Clube para esse evento. Tairo, Carlos, Josimar, Dilton, Raquel, Júlia, Cecília, Lúcia e Andressa desafiam o deserto e chegam ao campori motivados por uma só causa. Levar o clube de Desbravadores no coração e acreditar que deve-se fazer algo por esse ministério. DESAFIOS NO DESERTO é o tema do último campori realizado pelo Pr Fernando Mello na Região. A cerimônia de abertura traz um evento marcante a todos. Realizado com a investidura de Líderes, e muitos Líderes da região se investem, não poderia faltar do Clube Phoênix. Josimar, Tairo em Líder Máster e Cecília Antônia em Líder entram também para história do Clube como líderes investidos. E o campori já começa com muitas dificuldades em provas de arrepiar. Sábado cheio de atividades espirituais, provas de livros anuais, ano bíblico, história da Igreja e etc.
Domingo 2º dia de evento. Algo fica marcado para sempre nos corações dos participantes. Algo nunca visto, mais muito imaginado por todos por saber que haverá uma perseguição aos cristãos no fim dos tempos. Os clubes se reúnem no local de reuniões e as 09:00 horas todos saem para uma bateria de provas que só iria acabar no outro dia as 17:00 horas. Algo marcante prova de Bússola, Fogueiras e Cozinhas ao ar livre, História denominacional, Jangada, pista fio, purificação de água, orientação, Via Dolorosa (como foi dolorida), primeiros socorros, RCP, comando cego, rapel, nós e amarras entre outras provas que agitaram 32 horas de caminhada e carrossel de tudo. Cada clube era responsável por sua comida e sua dormida. Algo emocionante, o local de acampamento ficou vazio durante 32 horas. Isso realmente emocionou o clube Phoênix que ficou bastante motivado para os desafios que viriam. Em fim tudo se completa e ao final da jornada os Líderes chegam ao local com seus triunfos e O Clube Phoênix chega vitorioso, para comemorar o final da jornada. O último dia de campori é marcado por provas de cortar o tronco, balde furado, rala e muita diversão. Ao fim do dia os resultados e mais uma vez o Clube de Desbravadores Phoênix leva para casa o troféu de padrão A do 2º campori de Líderes. Comemoração e muita alegria contagiam aos Líderes que saem desse campori com a frase “DESBRAVADORES MINHA VIDA É VOCÊ”.
Mais um ano e que venha o próximo.
2011
O ano começa e mais uma vez Carlos Sampaio assume como Diretor do Clube e como associados Dilton Alves e Cecília Antônia. E uma das principais atrações do ano fica por conta do CAMPORI DA APLAC AVENTURAS NO DESERTO – GRANJA DO TORTO. As batalhas continuam, e enfrentar desafios é o lema do clube. Muitas atividades são realizadas e como preparativo para o campori o Pastor Clewton realiza a primeira gincanaltina, realizada na Escola Adventista de Planaltina. O clube participa do evento com muita animação e garra se dando em diversas provas.
Acontece também um acampamento próximo ao núcleo rural Taquara juntamente com o clube Vênus... para chegar ao local o clube enfrenta uma pedalada noturna de 15 km... na oportunidade choveu muito mais o acampamento aconteceu... foi realizada uma trilha em meio a uma selva bem fechada e muito encharcada... foi realizado também um programa de evangelismo na cidade da Taquara... o final do acampamento todos sobem o morro de volta pra casa ainda pedalando...
O dia de se aventurar no deserto se aproxima e o clube realiza as inscrições de todos os desbravadores e diretoria para então assim participarem desse maravilhoso evento. O dia em fim chega a montagem do acampamento começa e os portais são feitos em meio a chuva e tempestade. A chuva não atrapalha o andamento das atividades e os portais e barracas permanecem inteiros para o evento... a abertura é feita com uma cerimônia belíssima... as provas começam e o clube não perde tempo realizando as provas em meio a chuva e sol. Provas como dez mandamentos, classes regulares, ordem unida, entre outras várias.
Acontece algo também muito importante para o clube. O clube acaba de investir 1 líder máster avançado Tairo e 1 Líder Máster Cecília. Desafios são alcançados e o clube mais uma vez entra para história conseguindo mais um padrão A e testemunhas contam que o clube ficou em segundo lugar na pontuação geral do campori. Independente dos feitos o clube Phoênix foi conseguindo levar muitas almas para Cristo... o ano se encerra e que venha 2012.
2012
Tairo oliveira assume como Diretor e associados Carlos Sampaio e Thainara Braúna carvalho. Os objetivos principais? Realizar primeiro festival de especialidades na região e isso acontece... com muita luta e aos poucos sonhos são realizados... o clube com ajuda de Deus e do Pastor Flávio consegue realizar um sonho muito esperado por todos...
Adquire uma fanfarra de 20 instrumentos...almoços são feitos e muita luta para chegar até aqui...
Definir esses 12 anos ??
Participar das TRILHAS DA ESPERANÇA colocará as próximas palavras neste BEST SELLER...
AQUI CHEGAMOS PELA FÉ!!!!!!!!!!!!!
2014
Participamos do Campori da DSA - Encontro marcado na Eternidade, realizado em Barretos SP.
2015
Sob a direção de Marcio José participamos do Campori da Aplac "Maravilhoso Conselheiro"
2016
Ainda sob a direção de Marcio José participamos do I Festival de Ordem Unida da Região de Planaltina e conquistamos o primeiro lugar com o Pelotão de Elite.
2017
Sob a direção de Gilberto Trindade estamos batalhando para ir para o III Campori da Ucob - Escolhido para a Missão.
nesse ano de 2017 participamos ja de muitos eventos como:
acampamento do clube
concurso de ordem unidas
concurso de nós e amarras.
Ainda neste ano participamos do campori da UCOB, escolhido para a missão,neste campori a nossa cozinha ganhou o troféu de melhor cozinha. cozinheira: Cleide e Lucia.
sob a direção do ano de 2018 segue com o Gilberto da Trindade e os diretores associados Carlos Sampaio e Ana Beatriz, aonde partipamos do VIII RUMO AO CÉU.
E neste mesmo ano estamos trabalhando para ir para o campori da DSA A MEHOR AVENTURA.


Grito de Guerra:
"Phoenix, vai...vai...vai conquistar as alturas e a todos demonstrar que nosso lema é garra, muita raça e união. Aprendendo a ser justo e ter determinação, não sabemos o que é medo...Nossa força é Jesus, como estrelas verdadeiras que reluzem Sua luz. Por isso somos grandes como a constelação, as estrelas que iluminam a nossa geração. As estrelas?! Nós! Nosso líder?! Jesus! Quem somos? Phoenix.