Club de Conquistadores Falcões dos Alpes
Associação Central Paranaense

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del Club Falcões dos Alpes
Falcões dos Alpes

Falcões dos Alpes

Conquistadores

  • Miembros 16
  • Directiva 20
  • Total 36

Datos del Club

Fundación

15/02/2017 (7 AÑOS)


Región

DBV - 10ª REGIÃO


Dirección

ESCOLA ESTADUAL CARMELINA FERREIRA PEDROSO - JARDIM CERES
ARAPOTI - PARANÁ
82000000


Reunión principal

DOMINGO
09:00:00


Link externo

Clic aquí para accesar


Clasificación 2023

Este Club fue 05 Estrellas en: 2023

HISTÓRICO DO CLUBE REALIZADO PELOS RELATOS DE ALGUNS MEMBROS DO CLUBE...
No ano de 2016 eu escutava rumores de que haveria um clube de desbravadores e em 2017 isso se concretizou, na primeira reunião lembro que os melhores dos melhores conselheiros estavam a frente de cada unidade e muitas crianças ansiosas para descobrir o que realmente era ser um desbravador ao longo das semanas que iam passando descobri que tinham regras para manter tudo organizado e fui vendo como cada unidade cada vez mais se unia como uma família, e todo sonho de alguém que vai no clube é ganhar o lenço dos desbravadores mas para isso se deve fazer uma prova e o jeito que fizemos a prova foi um tanto quanto diferente, os conselheiros se espalharam pela escola e começou a prova como se fosse a “prova do monge” e cada um por si foi correndo para tentar achar os monges para terminar a prova o mais rápido possível então a último conselheiro o mais difícil de achar dentro de uma sala, corri até ele e respondi a pergunta, fui o primeiro a terminar a prova que me concederia o lenço.
Já em vestidos todos que quiseram continuar no clube fomos para o primeiro acampamento como desbravadores no dia 10 de maio de 2017, um acampamento semi rústico no qual cada unidade tinha que preparar seu próprio alimento na hora de fazer fogo estava tudo úmido a pederneira não acendia a fogueira de jeito nenhum nada que um pouquinho de álcool não resolvesse, só ninguém podia saber, outra coisa marcante foi o pista fio que é uma trilha durante à noite, fomos acordados durante a noite saímos todos com sono na trilha para dar uma acordada jogaram umas bombinhas de madrugada aquele susto chegamos em uma parte que tinha que passar debaixo de uma corda com barro, nos atiramos naquele barro, dava na altura do joelho e agente empacado naquele barro muita gritaria e risadas, depois de conseguir sair, colocamos o mais magrinho na maca e subimos o barranco cheio de barro e escorregar era inevitável escorregamos mas conseguimos terminar.
Com um bom pelotão e uma ideia para ordem unida começamos a treinar para participar da competição de ordem unida, nos reunimos antes do clube às oito horas e aos sábados durante a noite. Chegando no dia da competição o ficamos um pouco nervosos mas nada nos tirou o troféu de campeão da 10°região.
No final do ano um acampamento grande de cinco mil pessoas aproximadamente, aquele frio na barriga de ir para o primeiro acampamento da ACP, chegamos lá já tinha gente que foi antes para construir o portal montamos as barracas em lugar cheio de pedras e uma lombada a minha barraca estava de lado mas até que aí estava tudo bem, até que a chuva começou saí correndo do cozinha para a área de acampamento peguei uma lona que minha mãe mandou eu levar e enrolei todos as coisas da minha barraca, e no dia seguinte todas as barracas alagada e a nossa com tinha ficado na lombada não encheu de água nem molhou por conta da lona daí a barraca ficou apertada por conta dos visitantes das outras barracas que vieram com dormir com agente, acampamento sem chuva não é acampamento, esse foi um pouco do ano de de 2017 do clube Falcões dos Alpes.
Palavras de: Mateus

2018
2018 foi o primeiro ano de muitas pessoas no clube de desbravadores, e eu fui uma dessas pessoas, claro que desde o começo ja me apaixonei por ele.
No começo do ano fizemos uma ação em um bairro humilde da nossa cidade, ajudamos em um varal solidário feito pela igreja, demos varias peças de roupas para famílias carentes, e apresentamos ordem unida no local, durante o ano também participamos de um “chá de banco”, foi um treinamento de conselheiros, capitães e secretários, que nossa região planejou, aconteceu em uma escola no nosso bairro, ali conhecemos mais os desbravadores de outros clubes, e aprendemos como cuidar dos desbravadores, e como comandar a nossa unidade.
Nesse ano experimentamos outras formas de arrecadar dinheiro para o nosso clube, então fizemos “a noite do ridículo” que é só uma desculpa para colocarmos roupas estranhas, e irmos para esse evento comer, dar risada, e participar de uma competição, para ver quem está mais ridículo, vou mencionar aqui a tia Andressa, ela levou alegria ao evento, e foi uma das mais “ridículas”, ela ganhou como a convidada, e eu ganhei como a desbravadora mais “ridícula” hahaha.
Nosso clube não gosta de ficar parado, então no meio do ano fomos para Jaguariaíva para visitar um clube Lago Azul, e ajudamos eles a fazer arrecadação de alimentos, e o “Quebrando o Silêncio”, fizemos no semáforo, com placas, um tipo de teatro e também entregamos panfletos para as pessoas que estavam nos carros, e na rua.
O evento do ano foi o acampamento de Castro, A Incrível Jornada, um acampamento de unidades, e as unidades do nosso clube ganharam algumas brincadeiras, e a unidade Falcão Negro também ganhou a premiação pelo portal super bem feito, Foi um anos mais que inesquecível.
Palavras de: Emanuelle

2019
Já fui em duas “noite do ridículo”, essa foi a segunda, participei do social com as cantigas de roda, teve desfile com as fantasias, meu amigo BETO da prefeitura fez uma encenação de comédia para todos, na cozinha teve quentão, pipoca, bolo, torta e diversas outras coisas. Tia Leila é fera na cozinha. As ganhadoras da fantasia foram a tia Andressa e a filha dela a Rayssa, foram fantasiadas de caipiras. Essa noite foi legal, me diverti bastante.
Fizemos um pernoite no colégio, os meninos fizeram especialidade de cães com o Henrique e o Gustavo as meninas fizeram especialidade de sexualidade com a Dinha.
Tivemos um dia cheio de atividades. Fizemos uma caminhada de 10km. O clube estava em peso, lembro que paramos no caminho pr tomar café da manhã, dividimos os alimentos que levamos, o destino era o colégio onde nos esperava algumas atividades, fui instrutora da especialidade de bússola, nosso grande Henrique fez a de fogueiras e em seguida todos fizeram o almoço. Na parte da tarde tivemos algumas brincadeiras. A noite fiz o fogo do conselho, cantamos alguns hinos, o fogo do conselho foi incrível, melhor parte do dia todo, em roda com amigos cantando vai ficar marcado pra sempre esse dia.

Tiramos a tarde de domingo para ir ao cemitério, no dia de finados, para fazer o projeto bálsamo, o objetivo era tentar tirar um sorriso, pedir e dar abraços e lembrar a todos o quão importante é lembrar das pessoas enquanto ainda estão vivas, entregamos flores as pessoas para estas levarem para alguém ESPECIAL. Foi um dia diferente de todos que já vivi.

No íncio do ano foi realizado uma meditação sobre sonhos, era pra citar 3 sonhos nossos de lugares que a gente gostaria de ir. E quase o clube todo escreveu em um desses 3 lugares Beto Carrero world. Então decidimos lutar para esse sonho acontecer. Eu como secretária corri atrás de algum clube pra nos ajudar dando local para pousar pois uma pousada seria cara de mais. Em meio a uns 300 contatos consegui o contato da Carla, ela e seu esposo diretores de clube, nos acolheram, conseguimos um local pra acampar, com uma quadra, banheiros e cozinha.
Então o clube foi a luta, vendemos muito nesse ano o gasto seria grande pra percorrer 450 km, mais o passaporte pro Beto e a alimentação para 3 dias. Um sonho alcançado, fomos ao Beto Carrero, o clube conheceu a praia foi a primeira de muitos a verem o mar. Passamos a sexta o dia todo na praia. Realizamos o culto na sexta a noite com o teatro sobre a criação, sábado participamos da escola sabatina e do culto divino, a tarde entregamos folhetos e fomos a praia. A noite saímos conhecer a cidade. No domingo bem cedo desmontamos o acampamento e fomos ao Beto Carrero. Foi um dia incrível, o dia todo nos divertimos, o clube todo foi na montanha russa invertida. Foi uma viagem inesquecível, só quem foi pra poder contar. Algum dia espero fazer essa viagem novamente.

Em fim, um ano cheio de histórias, recordações que ficaram pra sempre no coração e na mente de quem vivenciou. Um ano incrível, feliz e Um sonho realizado
Palavras de: Emilene

2020
O ano de 2020 claramente foi marcante para todos, de uma forma ou outra.
A pandemia pegou cada um de nós de surpresa, até nosso clube Azul e preto ( que na época nem imaginava em receber essa paleta de cores).
Começamos o ano fazendo chamadas nos colégios, e então totalizamos nosso clube em 82 pessoas nas reuniões, e então entramos no lockdown, claro que a pandemia não passaria rápido quanto nós queriamos, então entendemos que era a hora de nos reinventarmos.
A excelente diretoria que tinhamos, começaram a realizar as reuniãoes via Zoom, aos domingos, no horário padrão de todo clube, as 9h, e o pastor tambem nos auxiliava naquele ano, e nas telinhas dos celulares que aparecia o nosso animo, nós mantinhamos ele a todo vapor.
As gincanas, acampamentos, ordem unida, tiveram que ficar em pausa, e com razão, mas foi um ano super produtivo mesmo assim, fizemos muitas especialidades. A gente “mandava bala” mesmo, e com tanto tempo em casa, as classes fluiram igual um rio. As reuniãos sempre foram uma válvula de escape, bom, pra mim pelo menos.
O ano passou mas as memorias ficaram, e são as melhores possíveis. O Jeito que a diretoria, e Deus mantiveram o clube vivo, me toca muito e nunca vai ser algo que eu vá esquecer ou deixar de me impressionar.
Eu, e tenho certeza, que vários outros desbravadores tem orgulho de ter passado essa época com a nossa família de lenço amarela, a melhor que já houve
Eu amo tudo isso, amo o meu, nosso clube, Falcões dos Alpes.
Palavras de: João Vitor

2021
A Situação do mundo estava feia, muitas pessoas queridas por nós se foram, e pensávamos que as coisas não iriam voltar ao normal. Mas com o tempo começamos a nos encontrar novamente, as reuniões eram feitas em sessões na nossa igreja e sempre de máscara, o clube estava bem numerozo até, então tinhamos que fazer 3 sessões de 18 desbravadores, assim que acabava uma sessão, a igreja tinha que ser desinfetada, e tudo tinha que ser feito para os próximos 18 desbravadores. Mesmo sendo trabalhoso, a diretoria não deixava isso afetar as reuniões, fizemos celebrações de páscoa, dia das mães, dia dos pais, dia mundial dos desbravadores. E tudo isso só nos animava mais.
Naquele ano a nossa associação fez desafios para o clube, e os desbravadores se divertiram muito com isso, mesmo não ganhando a maioria dos desafios hahaha.
Foi muito legal que iniciamos os cultos de domingo com o clube, o pastor fazia estudos do apocalipse, e nos faziamos o louvor, decoração, recepção, sempre com álcool em gel.
O nosso clube passava bem, mas algumas pessoas na cidade não tinham condição de ficar em casa na pandemia, então fizemos arrecadação de alimentos para as pessoas necessitadas. Isso não ajuda somente os outros, também nos ajuda a sermos pessoas melhopres, e pensar mais nas pessoas a nossa volta.
Apadrinhamos um clube de Aventureiros, Falcões dos Alpes Kids, que tinham alguns desbravadores muito animados, e hoje várias aventureiras são desbravadoras.
Algo muito especial foi ter feito o batismo de duas desbravadoras nossas, a Eduarda e a Andréia, a andreia estáva fora da igreja a 15 anos, mas ficamos muito felizes de ela ter voltado, e de estar participando do nosso clube.
Por fim finalizamos o clube com um acampamento de unidades no sítio do Irani, e com uma pizzada na casa de uma das nossas desbravadoras, fazendo nosso clássico amigo secreto. Mesmo passando por momentos ruins, nosso clube não se deixa desanimar, com o nosso Deus no comando, pode vir e ir pandemia, nós continuamos de pé, e mesmo que se nós cairmos, um ajuda o outro a se levantar.
Palavras de: Wilverson

2022
Em 2022 foi meu primeiro ano de clube, e neste ano tivemos muitas coisas divertidas. Já no inicio do ano, tivemos um acampamento de final de semana em Ponta Grossa, onde também fomos ao parque aquático Monteiro, e eu me diverti demais, Nunca tinha acampado antes, então tudo era novidade.
Neste ano nosso clube completou 5 anos, então é claro que bolo, e muitas brincadeiras, e para comemorar fizemos um piquenique no parque da cidade.
Fizemos o “Desbravador por um dia” é claro que muitas crianças novas conheceram o clube. Fizemos uma pedalada até uma cachoeira da nossa cidade, e teve sorteio de coisas muito legais.
Desbravador gosta mesmo e de acampar não é?...
Então não poderia faltar um acampamento no sítio do Irani, e mesmo com chuva, as barracas foram montadas, quem não gosta de um acampamento chuvoso né? Haha. Nesse acampamento fizemos especialidades e varias gincanas.
Claro que desbravador não vive apenas de diversão, durante o ano trabalhamos para ajudar a quem precisava, saimos arrecadando alimentos e distribuimos cestas básicas, porque com o lenço amarelo, também vem as responsabilidades.
Como sempre no decorrer do ano, trabalhamos para conquistar oque queremos. O clube fez vendas de pastel, de arroz com frango, para arrecadarmos dinheiro para o campori “O Legado”, que foi meu primeiro campori, ele ficará guardado na minha memória para sempre, não só na minha, mas toda certeza, na memoria das minha amigas que foram investidas junto comigo.
Palavras de: Eduarda

2023
Este ano fizemos várias vendas como: feijoada, cacareco, sonho, coxinhas, (Além das vendas das unidades)
Conseguimos comprar as vagas do campori já na primeira remeça, e Graças a Deus conseguimos com que a prefeitura nos ajudasse com o ônibus para o nosso o acampamento, e agradecemos muito á Deus por isso.
Também fizemos as camisetas das unidades, tanto feminina quanto masculina, nesses 6 anos de clube, foi a segunda vez que foram feitas, e elas ficaram muiiito lindas.

Por conta do campori ser longe, decidimos não fazer chamada nos colégios, mas mesmo não fazendo chamada, várias pessoas que não eram do clube, entraram e agora estão frequentando o clube junto com a gente, e estão bem animadas.
A unidade strix, fez uma noite do pijama na casa da diretora Jurlene e isso também foi super divertido. Assiatimos filmes, revisamos nossas bolsas para o acampamento, comemos muito, e nos divertimos com a nossa unidade.
Esse ano o clube ajudou uma pessoa que esta fazendo exames de saúde, e sua situação financeira não esta boa, então fizemos vendas de coxinhas para arrecadar dinheiro.
Depois do campori nós vamos ir numa chácara na cidade vizinha... lá tem uma piscina natural bem legal e uma casa gigante. Lá nessa chácara a gente vai fazer o nosso ' Bom de História' e o tema desse ano é a história de Rute e a Genealogia de Jesus. Tenho certeza que vai ter varias brincadeiras, e lindas meditações.
Em Dezembro, quando acontecer o enceramento do ano, vamos ir numa pastelaria e lá vamos fazer um amigo secreto, e as premiações do ano, finalizando com um leilão de doces, com os dinheirinhos que conseguimos na pontuação da unidade.
Esse ano foi, e ainda vai ser muuuuuuito bom, tenho certeza que está sendo muito marcante na vida de todos os desbravadores, demos muitas risadas e choramos juntos também, estamos juntos nos bons momentos, e nos maus momentos.
Somos uma família.
Palavras de: Isabelly
Temos reuniões domingo e em alguns sábados também, no mesmo local; Escola Carmelina Ferreira Pedroso Arapoti-PR para facilitar sua visita ao nosso clube entre em contato conosco, teremos o maior prazer em recebe-los!

diretora do clube: 043999184759
secretaria : 043998421762

https://instagram.com/falcoes_alpes?igshid=M2RkZGJiMzhjOQ==

https://instagram.com/falcoes_alpes?igshid=M2RkZGJiMzhjOQ==