Club de Conquistadores Feras do Sul
Associação Central Paranaense

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del club Feras do Sul
Feras do Sul

Feras do Sul

Conquistadores

  • Miembros 25
  • Directiva 20
  • Total 45

Datos del Club

Fundación

10/02/2014 (4 AÑOS)


Región

DBV - 8ª REGIÃO


Dirección

RUA LEOPOLDO FROES, 355 - UVARANAS
PONTA GROSSA - PARANÁ
84030120


Reunión principal

DOMINGO
09:00:00


Link externo

Clic aquí para accesar

Clasificación

História do Clube Feras do Sul


O Clube de desbravadores da IASD de Uvaranas tem muita história para contar, preste atenção!
No inicio quando ainda era alicerce, em 07 de Abril de 1992, já se realizavam suas atividades. Seu diretor era Nicanor A. de Souza (Tio Nica). Nessa época o clube se chamava Águia Dourada, e se reunia numa pequena sala no fundo do terreno da Igreja.
Quatro meses depois, o seu vice assume a diretoria, permanecendo nesse cargo por mais seis meses.
Mas o clube só ocupou seu espaço em 1994, com o apoio do Pastor Celso Knoener.
Em outubro de 1994, Heliton José Candido é nomeado diretor. Mudando assim de nome, com base em Isaias 40:31, e leve o nome de ‘Águias de Israel’.
No dia três de março de 1995, esse clube tem sua primeira reunião com 44 novos desbravadores.
Nesse ano, o clube passou a ter seus primeiros mascotes (aventureiros), liderados por Rosilda P. de Lara. Eles eram chamados de ‘Pequenas Águias’.
Nos anos de 1996 e 1997 os dois clubes ficaram desativados, retornando no ano seguinte, pela graça de Deus, a todo ‘vapor’, tendo como seu diretor, Nilson Aparecido Ferreira.
Com essa diretoria, participaram de seu 1º Campori, que foi em Esteio, Rio Grande do Sul, que tinha por tema ‘Escolhidos para brilhar’ (DSA).
Em 2001 começa uma nova diretoria, com Lyndon Medina como seu líder. Com essa equipe, devido ao ataque terrorista às Torres Gêmeas (WTC) nos EUA, o nome do clube é mudado para ‘Águias da Paz’, participando assim de dois Camporis: Somos a Luz do Mundo (ASP) em 2001, e Pontes de Amizade, Solidariedade e Esperança (USB), em 2002. O clube também cresceu espiritualmente, com o batismo de alguns desbravadores nesse período.
Em 2003 o clube esteve ativo por alguns meses com a direção de Valdinei e Edson. Mas por não saberem como dirigir um Clube de Desbravadores e sem experiência alguma, o mesmo foi desativado após o meio do ano em curso.
A comissão preferiu, em 2004, começar o ano sem um clube na igreja, por falta de opção de liderança e porque os nomes indicados não aceitaram. Momentos difíceis para os Desbravadores.
No mês de junho, vendo a necessidade da igreja, Edney Sampaio dos Santos e mais alguns colaboradores, escolheram uma equipe e montaram uma proposta, apresentando a mesma à comissão da igreja. Após a aprovação, logo surgiu um novo nome para esse clube. Um nome que continua em vigência até os dias de hoje. Feras do Sul. Referindo-se aos animais que vivem e já viveram no Hemisfério Sul da Terra, e também por que estamos na América do Sul, na região Sul do Paraná.
Tudo com a direção e apoio de Deus e de nosso Pastor Mário Roberto Da Silva, Seu representante.
A primeira reunião foi em dez de julho, com 15 desbravadores, mas em pouco tempo já tínhamos 22. Não participamos do Campori desse ano, por motivo do Campori ser da DSA, e por não estarmos estrutural e financeiramente preparados para um evento desse porte. Mas na mesma data, realizamos um Acampamento de Instrução. Enceramos o ano com todos os Desbravadores investidos na classe de amigo.
Já em 2005, os encontros começaram em 16 de janeiro. Nesse ano realizamos várias campanhas e projetos na sociedade. Participamos do Campori ‘Fiel a Toda Prova’ (ASP), no litoral catarinense, mostrando tudo o que vivemos durante o ano e usando a experiência que adquirimos durante o ano. E pela primeira vez na história desse clube, tivemos uma Fanfarra Simples, fazendo com que muitos desbravadores tivessem o primeiro contato com a música. Fanfarra essa, emprestada da Escola Adventista, que não estava usando-a. Participamos também do concurso de Ordem Unida, organizado pela ASP. Representando bem a IASD de Uvaranas.
No fim desse ano após o Campori, Bianca R. B. Andreis, associada do então diretor, assume o cargo de diretora até o fim do ano, tornando-se, no ano seguinte, regional de distrito. Ainda bem no final do ano de um Camponi regional em Carambeí, na região de Catanduvas.
Em 2006, devido à escolha da comissão de nomeações, Débora Cristina Sach, até então conselheira, assume o cargo de diretora, desenvolvendo um ótimo trabalho durante todo o ano de 2006, com eventos, campanhas e projetos. Continuamos em contato com a música por intermédio da Fanfarra. Inclusive com uma ótima participação no Campori ‘Grande é o nosso Deus’(ASP).
Já em 2007, também pela escolha da comissão, Nilson Aparecido Ferreira assume a liderança do clube com uma grande equipe de apoio.
As atividades começaram em março, esse ano já sem uma fanfarra, com uma saída para a exploração da caverna ‘Olhos D’água’ em Itaiacoca. E as atividades continuaram: campanha de alimentos; acampamento da região; concurso de Ordem Unida; desfile; etc.
Pouco antes do Campori, que se realizou no inicio de Novembro, o atual diretor propôs à comissão da Igreja que o cargo fosse passado para Leonardo Schendroski Neto, que desde então permanece no posto de diretor.
Fomos ao 1º Campori Paraná Total - ‘A Glória Verdadeira’ (ASP/ANP), voltando não apenas com um troféu de participação como até então, mas com um premio pelo Portal Pequeno montado.
Encerrou-se o ano com uma investidura e culto de ação de graças.
Nesse ano, o evangelismo juvenil foi colocado em prioridade. A maioria dos desbravadores que estavam no clube em anos anteriores mudou-se para usar a sua experiência adquirida até então, para ajudar no desenvolvimento de outros três clubes da ASP. Selecionamos uma equipe de conselheiros totalmente nova. Surgiu a idéia de convidar os alunos de escolas próximas para serem desbravadores. Aperfeiçoando a idéia, com a aprovação da liderança da Igreja, mudamos a sede do clube para o Colégio Borel, próximo a Igreja.
A 1ª reunião foi realizada no dia dois de Março, com um delicioso desjejum com 17 membros. Até hoje já participamos do treinamento para diretoria promovido pela Associação, fizemos algumas reuniões e a primeira reunião com os pais dos desbravadores.
De 25 a 27 de Abril, realizamos um acantonamento, que não passa de um acampamento interno. No sábado realizamos toda a programação da igreja de Uvaranas, desde a Escola Sabatina, até o culto JA. À noite fizemos ‘A nossa festa com Deus’, que foi em comemoração do Dia Mundial Dos Desbravadores. Nesse domingo participamos do 1º Campori On-line, realizado pela USB.
No dia 10 de Maio, um dia antes do dia das mães, visitamos um asilo, para homenagear as vovozinhas pelo dia das mães.
Fizemos uma campanha Antiabuso infantil, conscientizando a população, dos direitos da criança e do adolescente. Em seguida, no mês do meio ambiente, realizamos uma limpeza de praça. E no mesmo local, participamos da campanha do agasalho, arrecadando roupas e também arrecadamos alimentos para posteriormente serem distribuídos pela Adra.
De 22 a 25 de Maio, realizamos um Acampamento de Instrução, com o objetivo de por em prática alguns requisitos das classes desenvolvidas pelos desbravadores.
No dia 07 de Junho, começamos uma campanha Antiabuso infantil, em parceria do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (próximo ao Centro da cidade). No dia seguinte pela manhã no mesmo local uma campanha ecológica limpando a praça próxima à localidade. No período da tarde, uma campanha de Alimentos e Agasalhos em parceria com a ADRA (Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais), que fez e faz a distribuição desses recursos.
Participamos nos cursos de Líder e Líder Máster, realizado pela ASP, representando Ponta Grossa e se aprimorando em liderança. No dia 12 de Julho, encerramos o Ranking semestral das unidades e individual, com uma festa em parceria com o Ministério Jovem da Igreja de nossa igreja, anunciando e entregando assim, a premiação aos vencedores. É importante ressaltar, o prêmio ao Desbravador e Desbravadora Destaques, foi uma viagem à Montanha do Pico Paraná, com mais de 2 mil metros de altitude, que foi planejada especialmente para a valorização da equipe da diretoria do clube (a cima de 16 anos). Tivemos uma aventura “de gente grande”. Ficou para história.
No dia dos Pais foi preparada uma homenagem especial para lembrarmos que o “Dia dos Pais” é todo dia. Após esse dia especial, realizamos a Voz Juvenil, que iniciou em um sábado pela manhã e foi até na quarta-feira, onde pudemos incentivar os nossos desbravadores a levarem palavra de Deus a outras pessoas.
Da mesma forma que os desbravadores de toda Divisão Sul-Americana trabalharam pelo Impacto Esperança, nós também trabalhamos. Definido pela Igreja Adventista do Sétimo Dia de Uvaranas, nós mapeamos toda região da Igreja, definindo assim, quantas casas existiam na localidade e organizando o trabalho, que foi desenvolvido através das classes da Escola Sabatina. Uma semana antes da distribuição de revistas ser feita, foi feita uma vigília durante todo o dia e quase fechando a vigília, fizemos uma admissão de lenço para nove novos desbravadores.
E no dia trinta e um de Agosto participamos do Concurso de Ordem Unida regional, que envolveu todos os clubes da região norte da ASP. Representamos satisfatoriamente a nossa Igreja, nos classificando para a final no Campori, na categoria individual acima de dezesseis anos, com dois dos três finalistas.
No dia sete de Setembro, desfilamos junto como Desbravadores, homenageando a nossa Pátria. E em especial fizemos a diferença desfilando com a nossa fanfarra, não como Feras do Sul, mas como um grupo só de Desbravadores.
Hoje o clube tem 36 desbravadores divididos em 5 unidades, e a cada dia que passa, nos sentimos honrados por fazermos parte de um Clube tão fortalecido e especial. Agradecemos primeiramente a ajuda de Deus e da sua santa proteção, e também a toda equipe.
Como Ellen White escreveu: “Temos hoje um exército de jovens que podem fazer muito, se devidamente treinados e encorajados”.
É esse nosso propósito. Formar lideres e “Salvar do pecado e guiar no serviço”.
Em 2008, com o diretor Leonardo Schendroski Neto, decidimos sair do pátio da Igreja e começar a fazer nossas reuniões em outro local. Foi quando apareceu o Colégio Borel, próximo a Igreja. Fizemos apresentações de ordem unida e sobre o que é um desbravador, conhecemos o diretor e então a oportunidade surgiu.
Em 2009 com o retorno do Edney Sampaio retornamos as atividades a Igreja, não fomos ao Campori pois decidimos investir no Clube, compramos então 18 barracas, as quais usamos o ano todo nas atividades do clube.
Em 2010 retornamos ao Colégio Borel, e novamente com o diretor Leonardo Schendroski Neto, participamos do Campori Regional na cidade de Castro, onde conquistamos 10 troféis, dentre eles estava área de acampamento, portal, e outras atividades que tem como requisito nos Camporis.
Em 2011 com a graça de Deus tivemos 4 batismos de desbravadores, sendo que a maioria ainda está participando das atividades do clube.
Em 05 de fevereiro de 2012, o clube começou bombando participando do treinamento de conselheiros em São Luis do Purunã. Mas as reuniões regulares só começaram no dia 18 de março já com os pais dos desbravadores e dos novos desbravadores, para conhecerem o que é um clube de desbravadores e estarem cientes dos projetos e gastos que seu filho traria participando do clube. Formamos então 6 unidades, sendo 3 masculinas e 3 femininas com os seguintes nomes: Mamute, Gavião, Tubarão, Lince, Pantera, Puma.
Participamos no dia 24 de março do Impacto Esperança distribuindo revistas com toda a Igreja pelo bairro, com o uniforme de gala.
Na semana santa, de 01 a 08 de abril, tivemos participação total, com mensagem musical, recepção e mostrando que a Igreja tinha um clube de desbravadores para o que precisasse.
No Dia Mundial dos Desbravadores fizemos uma grande festa, com ornamentação, pregação, ofertas, recepção, mensagem musical, classe da escola sabatina, louvor e adoração feita por nós.
Para o Dia das Mães tivemos a ideia de presenteá-las com lembranças feita por cada desbravador, lançamos então um desafio, criar uma lembrancinha útil, criativa e bem acabada. E foi um sucesso.
Fizemos um acampamento do dia 26 a 29 de julho, em Itaiacoca, passamos o final de semana por lá. As unidades cozinharam sua própria comida na fogueira, montaram portais... Até feijão saiu na fogueira!!
Para o Dia dos Pais decidimos fazer algo diferente, que pai não gosta de uma bolinha, não é mesmo? Fizemos um dia de gincana, para aproximar mais os desbravadores dos pais, com bola, bexiga, correria e é claro uma lembrancinha para marcar esse dia especial.
Desfilamos no aniversário da cidade juntamente com os desbravadores de Ponta Grossa, com a maioria de nossos desbravadores mostrando o que fazemos, e o que somos.
Na Semana de Oração em setembro tivemos quatro batismos de novos e antigos desbravadores... Fizemos uma grande festa com guarda de honra, refletores, uma decoração especial para esse dia
Em 2013 Como Diretora A Luciane Danilenko tivemos muitas lutas desde o começo do ano, pois nosso clube conseguiu a classificação para o campori DSA-Encontro Marcado na Eternidade em Barretos SP, todo o ano foi marcado por muitas vendas e festas que o clube realizou para conseguir ir até o Campori .
Em 2014 Tivemos o retorno do Leonardo na direção do Clube após o campori de Barretos, assumiu o clube com muitas idéias novas e todas realizadas com êxito, e fomos ao Campori em São Paulo Loucos por Jesus, nesse ano nosso clube foi destaque com a musica composta por um desbravador e fomos a musica tema do Campori.
Em 2015 ainda com Leonardo na direção do clube,tivemos mais um ano com muitas lutas e vendas para irmos ao Campori USB em Santa Helena Coração de Rei.
No Ano de 2016 começamos o ano com Heliton José Candido assumindo a direção do clube, neste ano não tivemos campori mas sim campuni por unidades, onde fomos com todas nossas unidades para competirmos e ganharmos alguns troféus. À partir de julho deste mesmo ano tivemos como diretor Ricardo Anderson Born, também com muitas idéias e pensamentos novos para o clube e com muita garra conseguiu entregar o clube estruturado para o ano de 2017.
Em 2017 temos com diretor Cristiano Kociuba dando continuidade na historia do clube.

Fone do Clube:

42.9814-1574