Club de Conquistadores Os 300 Gideonitas
Associação Cearense

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del Club Os 300 Gideonitas
Os 300 Gideonitas

Os 300 Gideonitas

Conquistadores

  • Miembros 24
  • Directiva 14
  • Total 38

Datos del Club

Fundación

22/09/1992 (30 AÑOS)


Región

7ª REGIÃO DBV - CE


Dirección

RUA ANTONIO HENRIQUE, 286 - CENTRO
PARAIPABA - CEARÁ
62685000


Reunión principal

DOMINGO
09:00:00


Link externo

Clic aquí para accesar


Historial de Clasificación

Este Club fue 05 Estrellas en: 2016, 2017

Histórico do Clube de Desbravadores os 300 Gideonitas

No ano de 1992, nasceu a Igreja Adventista do Sétimo Dia em Paraipaba. O Pastor Distrital na época era Luiz Everardo Fraga Leão, e o mesmo, vendo que a igreja tinha uma grande quantidade de juvenis e jovens, decidiu fundar um Clube de Desbravadores.
Foi então que no dia 22 de setembro de 1992, reuniram-se na casa do irmão Agenor Viana, todos estes juvenis e jovens juntamente com o Pastor Everardo, para realizarem a primeira reunião do Clube de Desbravadores. O primeiro assunto em pauta foi a escolha do nome do clube. Os nomes sugeridos foram: Os trezentos de Gideão, Os Gideonitas e OS 300 Gideonitas. O nome escolhido foi Os 300 Gideonitas.
Nesta mesma reunião, o pastor Everardo também mostrou a todos a ideia para a logo do clube, que também foi aprovada por todos. Também foi escolhido o diretor do Clube. Pastor Everardo assumiu a direção do Clube, até que percebesse a aptidão para liderança por parte dos jovens do clube.
Também foram escolhidos os nomes da unidades: Falcão, Águia e Albatroz, que dias depois seriam mudadas para os nomes: Tocha, Cântaro, Lã e Trombeta e posteriormente com o crescimento do clube, também foram criadas as unidades Espada, Gideão e Gileade.
O clube realizou seu primeiro acampamento no ano de 1993, na localidade de Pedrinhas, onde hoje está localizada a reserva Pedrinhas, local muito conhecido pelos turistas que visitam a praia de Lagoinha em Paraipaba – Ce.
O acampamento foi realizado em uma barraca de lona do exército, cedida pela Defesa Civil de Fortaleza. As meninas ficaram todas nessa enorme barraca, enquanto os meninos ficaram em um abrigo feito de tapiri.
O Clube de Desbravadores os 300 Gideonitas sempre esteve presente em eventos promovidos pela Prefeitura de Paraipaba e em Especial pela Secretaria de Saúde como: campanhas de vacinação, doação de sangue, recepção de governantes, desfile cívico, etc.
E dentro da vivência do Clube de Desbravadores, participamos de diversos Camporis, sendo o primeiro deles, o V Campori da Antiga Missão Costa Norte, em 1995, com o tema Nosso Sol é Jesus, e no ano seguinte 1996, o VI Campori também da Missão Costa Norte.
O clube também teve o privilégio de participar do terceiro Campori da União Nordeste Brasileira em 2010.
Desde cedo Os 300 Gideonitas aprenderam a cuidar da Natureza e zelar pelo local em que fizessem acampamento.
Alguns anos depois, o Pastor Everardo saiu da obra e então o jovem Eduardo Neto, assumiu a direção do clube. O clube G300 (comumente chamado assim), sempre trabalhou fortemente a espiritualidade de seus membros, também sempre se dedicou as atividades físicas, e por isso nos camporis sempre se destacou tanto nas atividades espirituais (bom de bíblia, bom de lição, prova do livro) como nas recreativas (olimpíadas, carrossel de atividades, esporte, etc.).
Foram membros do clube de desbravadores G300, o atual pastor Departamental da Associação Sul Paranaense Antonio Eduardo Nogueira Neto, e o Pastor Distrital Alan, Até hoje o clube exerce uma linda influência e respeito na cidade de Paraipaba, e sempre tem como principal missão a salvação de novos juvenis e adolescentes para o reino dos céus. Entre seus diretores destacam-se: Pastor Luiz Everardo, Eduardo Neto, José Wilker Viana, Nayara Alves, Fabiano Barbosa, Eliane Gonçalves, Alana Félix, Anderson Viana, Romário Torres, José Vinícios e atualmente o jovem klysma Silva.