Club Pathfinders Horizonte
Associação Mineira Central

Data shown here is the responsibility of Club director Horizonte
Horizonte

Horizonte

Pathfinders

  • Members 9
  • Leadership 6
  • Total 15

Club information

Foundation

18/07/1987 (34 YEARS)


Region

REGIÃO 08 - DESBRAVADORES


Address

R. DAS FLORES, 40 - CABANA
BELO HORIZONTE - MINAS GERAIS
30512-050


Main meeting

SUNDAY
09:00:00


External link

Click here to access

Classification 2021

HISTÓRIA DO CLUBE DE DESBRAVADORES HORIZONTE
Fundado em 18 de julho de 1987 o Clube recebeu o nome de Alvorada. Mas, por haver outro clube com esse nome, optou-se pela nomenclatura de Horizonte. Alusivo ao próprio município, e à visão de quem aguarda a vinda de Jesus no Céu. Tendo como pioneiras fundadoras: Diretora - Geralda Araújo e Associadas: Vilma Reis de Assis e Cláudia Araújo. Oficializado em cerimônia de Aceitação de pelo Coordenador Paulo Sampaio e Mariza Sampaio.
Na época muitos não tinham idade suficiente e o Clube integrava um grupo “Mirim”. Hoje conhecido como Aventureiros. Estes usavam um lenço azul celeste. Curiosamente este grupo “Mirim” foi o primeiro a existir na então MMC - Missão Mineira Central, atual Associação Mineira Central.
Em 30 de julho, 1 e 2 de agosto do mesmo ano, o Clube Horizonte, participou de seu primeiro Campori em Divinópolis, intitulado “LUZ AOS PEQUENINOS”. Sem barracas apropriadas, foram improvisadas com lonas.
Ainda em novembro de 1987, o Horizonte participou do Congresso Olímpico “ELE ESTÁ AO LEME”, no Colégio Adventista da capital mineira.
No ano seguinte em 1988 houve o Campori da MMC em Sete Lagoas com o tema “LADO A LADO DO REI”, oportunidade em que o Desbravador Lúcio se classificou em primeiro lugar em “Oratória”.
Já em 1989 reuniram quatro Clubes para participar do Campori “MAIS QUE VENCEDORES” em Guarapari. Foi formado assim um grande e único Clube contando com a participação dos bairros: Vista Alegre, Nova Granada, Chácara e Cabana. Para essa estruturação houve a colaboração valorosa de Hilda Meireles mãe do Pr. Fábio Meireles.
Em maio de 1991 houve a oportunidade de participar da 1ª Feira da Região, que aconteceu na rua do Colégio Colorado. Na qual o Clube Horizonte classificou-se para a grande Feira da MMN, intitulada “COM JESUS NO BARCO”. Feira essa, ocorrida em outubro na Lagoa do Nado em Belo Horizonte.
Em meados de 1990 o Clube paralisou suas atividades.
Com a mobilização de reativação e resgate histórico do mesmo, a fundadora Geralda Araújo desprendida e gentilmente noticiou no dia 28/01/2017 à nova diretoria a existência de fotos e dos troféus e bandeira que marcaram os momentos dessa história. E hoje, fazem parte do Patrimônio Histórico do Clube Horizonte.
A reativação do Clube Horizonte se deu diante do anseio da Igreja, verbalizado por Viviane Ladislau, junto à Líder Desbravadora Ivanir B. de Oliva e Souza, que anteriormente recebeu a missão da Regional Sônia Valbonetti, bem como a indicação imediata do Pr. Willian Nunes.
A oficialização do reinício se deu em 11 de março do corrente ano de 2017, com cerimônia de Aceitação de Lenço de nova equipe, na sede da IASD, sito na Rua das Flores, bairro Cabana, Belo Horizonte - MG. A partir daí o Clube passou por situações adversas, perseguições, falsos testemunhos ou adulteração de fatos. Histórias essas que serão contadas na eternidade e constam dos registros de Deus, onde ninguém conseguirá destruir ou enganar. O Clube resistiu resilientemente por dois anos, à cultura local do aglomerado que está sob comendo de 9 líderes do tráfico de drogas. Resistiu à torcida clara de opositores que fomentaram pelo fim do Clube. Mas recebeu apoio de alguns irmãos valorosos. Fato esse que chegou a ter somente três Desbravadores e a Diretora efetivamente.
Pr. Willian Nunes e a Regional Sônia Valbonetti, endossaram o apoio dos irmãos que permaneceram na esperança, dando conforto espiritual e respaldaram a Diretora de então. Contudo o Clube não pôde participar de ranking, ou eventos que exigissem maior número de integrantes. Com algumas variações permaneceram até início de 2019. Ano de crescimento e estruturação do Clube, apoiado pelo recém batizado Paulo Marcos Felipe. Isso deu fôlego à Diretoria do Clube que recebeu novos membros. 90% com necessidades especiais.
Ainda em 2018 a Diretora Ivanir Oliva e Souza, recebeu informação de um caixa negativo alto para o padrão do Clube. Captou recursos para materialidade na produção de artesanatos, buscando a sustentabilidade do grupo. A cada período de trabalhos, repunha em até 5% de seu salário para recuperação do caixa. Recebeu apadrinhamento de Desbravadores e apoios financeiros mas sem ainda eliminar a dívida.
Já em 2019 o Clube iniciou finalmente as Classes Regulares e Agrupadas com seus integrantes. Com dificuldade, participou regularmente dos eventos. Pelo 2º ano, buscando dar visibilidade aos Desbravadores e ações do grupo na comunidade, o Clube Horizonte realizou duas Feiras de Saúde. Uma em 22/10/2017 em apoio ao Departamento de Saúde daquele ano e em 12/01/19 como parte das ações do “Calebe”. Em 2019, Pintaram a Escola Estadual Cabana de Pai Tomáz com apoio de outros Clubes da 7ª e 8ª Regiões.
Realizou no dia 20/09/2019, “Cerimônia Benemérita” aos apoiadores de Clubes Desbravadores da RMBH na Assembléia Legislativa de MG com a presença do Departamental Pr. Cláudio Meirelles e da Regional Sônia Valbonetti.
Articulou com apoio da irmã Mª Aparecida Freire, local para sediar as reuniões do Clube e oportunamente, realização dos treinamentos Raízes na Escola Estadual Dr. Antônio Augusto Soares Canedo.
Já em meados do primeiro semestre o Clube se viu, sem condição ir para o Campori da 7ª e 8ª Regiões, devido à carência dos integrantes, bem como, pela dívida no Caixa ainda significativo. A Sra. Diretora entrou em contato com o Pr. Marcelo, Capelão do Clube Universo da IASD Central para pedir apoio. Depois de algum tempo a IASD Central entrou em contato e decidiram adotar o Clube Horizonte. Proporcionando condições de participarem do Campori Guarapori (17 a 20 de outubro/2019). Nele o Clube obteve o nível Bronze.
Continuando a sanear as contas do Clube, custeando algumas despesas de juvenis de baixa renda, sem, contudo, deixar de seqüenciar na participação dos eventos da AMC, Região e planejamento anual do Clube, finalmente alcançou-se o pagamento do saldo devedor, zerando o caixa e eliminando a dívida ao final do ano.
Ao longo do segundo semestre, surgiram novas adversidades. Distorção e adulteração de fatos com objetivos desqualificatórios e até incriminatórios, se apresentaram. O que foram desmascaradas mais uma vez, as potestades que atuaram contra esta obra de Deus. Outros irmãos darão seqüência. Onde pela fé, deverão ser guiados pelo poder do Senhor.
Registro histórico realizado e atualizado por Ivanir Barbosa de Oliva e Souza em 28/01/2020
HERÁLDICA*
LOGOMARCA BANDEIRA DO CLUBE HORIZONTE

* Bandeira e logomarca de autoria de Anderson Haeder Oliva e Ivanir Oliva, datada de 06/2017.

REGULAMENTO DA BANDEIRA CLUBE HORIZONTE
DO TAMANHO OFICIAL DAS BANDEIRAS
As regras para a confecção da Bandeira encontram-se definidas no Art 5º da Lei nº 5.700/71. O desenho é modular, o que facilita a sua reprodução e feitura. Para o cálculo das dimensões, toma-se por base a largura desejada, dividindo esta em 14 partes iguais. Cada uma das partes será considerada uma medida ou módulo. O comprimento da bandeira será de 20 módulos.
1 - A largura da Bandeira do Clube Horizonte terá 14 (quatorze) partes iguais. Cada uma das partes será considerada uma medida ou módulo.
2 - O comprimento será de vinte módulos (20M).
3 – A medida do Brasão do Clube Horizonte ocupará 11 MM de altura no centro da bandeira.
4 – As duas faces devem ser exatamente iguais, com a faixa branca inclinada da esquerda para a direita (do observador que olha a faixa de frente), sendo vedado fazer uma face como averso da outra, com exceção do bandeirão para eventos e Caporis.
4 - O Bandeirão deverá seguir a mesma regra progressiva em MM – Medidas Módulos. Tabela abaixo.
0,14 X 0,20
0,20 X 0,30
0,24 X 0,35
0,35 X 0,50
01 PANO - 0,45 X 0,64
01 PANO E ½ - 070 X 1,00
02 PANOS - 0,90 X 1,28
02 PANO E ½ - 1,12 X 1,60
03 PANOS - 1,35 X 1,93
03 PANO E ½ - 1,57 X 2,24
04 PANOS - 1,80 X 2,57
05 PANOS - 2,25 X 3,20
06 PANOS - 2,70 X 3,85
07 PANOS - 3,15 X 4,50
08 PANOS - 3,60 X 5,15
09 PANOS - 4,05 X 5,78
10 PANOS - 4,50 X 6,40
11 PANOS - 4,95 X 7,07
12 PANOS - 5,40 X 7,71
13 PANOS - 5,85 X 8,35
14 PANOS - 6,30 X 9,00
15 PANOS - 6,75 X 9,64

DOS SIGNIFICADOS
* Heráldica (Significados dos símbolos de escudos e brasões):
1 –Escudo na cor goiaba contornado com friso azul - história resgatada de sua primária fundação em 1987. O escudo significa a proteção de Deus;
2 -Coroa sobre o escudo - remete ao símbolo do Sol que brilha, sobre o escudo da bandeira de Belo Horizonte. Ou seja: brilha sobre o horizonte da capital mineira. Leva à origem do nome do Clube. Contudo na bandeira do Clube Horizonte, significa o Sol maior que é Jesus Cristo, vindo no horizonte com sua Coroa de ouro como Rei dos Reis.
3 -Espadas - Bíblias em punho de cada Desbravador na missão de levar a mensagem ao mundo.
4 -Caricatura de aglomerado residencial - Remete ao Bairro Cabana, onde está inserido o Clube.
5 -Capela Curial de São Francisco (Pampulha) - Símbolo da capital mineira. Ratifica imageticamente a cidade natal do Clube.
6 -Pedras preciosas -
a) Ovais vermelhas - Representam os integrantes do Clube, bem como pessoas resgatadas pelo sangue de Jesus Jesus;
b) Estrela de Davi - Remanescência do povo de Israel;
c) Triangular - Jesus: Pedra angular rejeitada e que deu seu sangue pela salvação da humanidade. A trindade, representada na bandeira do Estado de Minas Gerais.
7 -Faixas em flâmula contornando o escudo –
a) Azul abaixo da coroa evidenciando no escudo as montanhas de Belo Horizonte – Cor da “Lealdade”;
b) Amarela na base do escudo – comemora data de fundação do Clube na cor da “Excelência”.
8 – Nome do clube na faixa azul: HORIZANTE em caixa alta na cor amarela. Observando que a letra “H” tem dois tamanhos de fonte maior que as demais. Ex: letra “H” no tamanho de fonte 12 e as demais no tamanho de fonte 10. E Data de fundação na faixa amarela na cor bordô conforme parte mais escura do dégradé vermelho dos arabescos laterais ao escudo.
9 - Arabescos simétricos lateral esquerda e direita do escudo - Simbolizam o infinito, e, por conseguinte, a natureza abrangente da criação do Deus único.
10 - Fundo Branco da bandeira - A pureza e paz do Criador Jesus.

Revisado em 28/01/2020

Ivanir Barbosa de Oliva e Souza