Club de Conquistadores Ipê Amarelo
Associação Mineira Central

Los datos presentados aquí son de responsabilidad de la directiva del club Ipê Amarelo
Ipê Amarelo

Ipê Amarelo

Conquistadores

  • Miembros 13
  • Directiva 9
  • Total 22

Datos del Club

Fundación

10/11/2013 (5 AÑOS)


Región

REGIÃO 14 - DESBRAVADORES


Dirección

RUA BANDEIRANTES, 521 - BOM JESUS II - BOM JESUS II
MATOZINHOS - MINAS GERAIS
35720000


Reunión principal

DOMINGO
08:00:00


Link externo

Clic aquí para accesar

Clasificación

O Clube dos Desbravadores Ipê Amarelo deu início às suas atividades no ano de 2014 tendo como primeiro diretor o Irmão Adinilson José Fagundes, diretora associada a Irmã Obadias Maria da Paixão Fagundes, secretária a Irmã Vanessa Lúcia Figueiredo Luiz. Como conselheiros o Irmão Jorge, irmã Jacira Júlia, irmão Gilberto Cobucci, Irmão Samuel Jonathan. Os desbravadores eram Samuel Figueiredo, Jonas Júlio, Miriã Christine, Gisele Júlia, Wemerson Dias, Andressa Dias, Priscila, Wender. O Clube recebeu este nome do Pastor Luiz por ocasião da criação do clube em 10 de novembro 2013. Seu nome homenageia a árvore típica da região do Município de Matozinhos. No mês de Setembro, na cidade, o Ipê Amarelo ganha destaque entre outras árvores da vegetação de cerrado. Tal fenômeno representa para o clube a excelência do jovem cristão e desbravador se destacando como uma luz no meio deste mundo. Iniciou com duas unidades: Primavera e Raízes e mais tarde também, Unidade Flores. No ano de 2016, o Grupo do qual fazia parte parou de funcionar e como consequência o clube também. Mas em 2017, para honra e glória a Deus, o clube foi transferido para a Igreja Bom Jesus 2, onde reiniciou suas atividades. Atualmente, o mesmo diretor e uma nova diretora associada e também secretária: Evelyn Ellen.


1 de fevereiro de 2014 - Cerimônia de Abertura do Clube – Apoio do Clube OÁSIS de Confins


1º Admissão em lenço - 19 de julho de 2014 - GRUPO SÃO MIGUEL NA IASD CENTRO MATOZINHOS

Adinilson, Jacira, Jonas, Gisele, Vanessa, Samuel Figueiredo, Ana Carolina, Wender, Wemerson, Andressa, Amanda Cezari, Samuel Cezari, Isabella, Jorge, Miriã.


OLIMPÍADAS 14ª REGIÃO – SETEMBRO DE 2014

2ª Admissão em Lenço - 11 DE DEZEMBRO DE 2014 - GRUPO SÃO MIGUEL
Ricardo, Abner




1ª Investidura em Classes-16 de setembro de 2017 - IASD BOM JESUS 2
Adinilson

2ª Investidura em Classes - Dia 9 de dezembro de 2017 - IASD BOM JESUS 2
Áquila, Jhenifer Manuelly, Kassyo e Paulo Vítor

3ª Admissão em lenço - Dia 9 de dezembro de 2017 - IASD BOM JESUS 2
Rafael e Arthur

4ª Admissão em lenço - Dia 15 de setembro de 2018 - IASD BOM JESUS 2 Afonso, Iury, Andrey e Marcos

3ª Investidura em Classes - Dia 01 de Dezembro e 08 de Dezembro de 2018 - Áquila - Classe Pesquisador e avançada/Adinilson - Líder - Igreja Central de Matozinhos

Unidades em funcionamento: PRIMAVERA E RAÍZES

2019 - Ipê Amarelo
O Clube Ipê Amarelo cresce e surge mais uma unidade: Sementes!
E assim, há três unidades em funcionamento: Primavera, Raízes e Sementes
5ª Admissão de lenço: 4 pessoas - Murilo, Mateus, Pablo e Eduardo...

*Fanfarra!
CURIOSIDADES
O Ipê Amarelo
Ipê-amarelo é o nome popular de algumas espécies de árvores da região Sul e Sudeste do Brasil, pertencentes à família botânica Bignoniaceae, gênero Tabebuia, que também compreende espécies com flores de cor branca, roxa, rosa ou lilás. Em outras regiões brasileiras, os ipês recebem outras denominações. O nome científico Tabebuia, de origem tupi-guarani, significa pau ou madeira que flutua. É denominada, pelos índios, de caxeta, árvore que nasce na zona litorânea do Brasil, cuja madeira íntegra (inatacável) resiste ao apodrecimento.
O ipê amarelo é a árvore mais conhecida, a mais cultivada e, sem dúvida nenhuma, a mais bela. Não há região do país onde não exista pelo menos uma espécie dele, porém a existência do ipê em habitat natural nos dias atuais é rara entre a maioria das espécies.
As árvores desta espécie proporcionam um belo espetáculo com sua bela floração na arborização de ruas em algumas cidades brasileiras. Originária do Brasil é a espécie de ipê mais utilizada em paisagismo. Durante o inverno, as folhas do ipê-amarelo caem e a árvore fica completamente despida. No início da primavera, entretanto, ela cobre-se inteiramente com sua floração amarela, dando origem ao famoso espetáculo do ipê-amarelo florido. Quanto mais frio e seco for o inverno, maior será a intensidade da florada.
Nome científico: Tabebuia chrysotricha
Nomes populares: ipê-amarelo, ipê-tabaco
Origem: Brasil
Família: Bignoniáceas
Luminosidade: sol pleno
Porte: Pode chegar a 8 metros de altura
Clima: quente e úmido
Copa: rala, com diâmetro um pouco maior que a metade da altura
Propagação: Sementes
Solo: fértil e bem drenado
Podas: recomenda-se apenas podas de formação